O Huawei Mate 20 Pro é tudo aquilo que o Galaxy Note 9 deveria ter sido

Outubro de 2018 foi sem dúvida o mês com mais lançamentos de smartphones Android topo de gama de sempre! No entanto, chegou ao fim com o lançamento do OnePlus 6T no início desta semana.

Afinal de contas, a época natalícias está prestes a chegar, e vários consumidores adoram usar o seu muito aguardado subsidio de Natal, para comprar uma bela prenda para si mesmo. Muitas vezes, a escolha acaba por cair num novo smartphone… E ainda bem, porque escolha é o que não vai faltar.

Dito isto, antes do lançamento do Huawei Mate 20 Pro, os fãs do sistema operativo Android, que queriam o melhor aparelho possível, tinham a escolha bastante facilitada, na forma do Samsung Galaxy Note 9.

Mate 20 Pro é

Isto mesmo tendo em conta que o ano de 2018 foi um pouco ‘parado’ e ‘aborrecido’ para a Samsung, com dois topos de gama, que no fundo, são muito semelhantes ao seus antecessores de 2017… No entanto, o Galaxy Note 9 acabou por impressionar na performance, sendo considerado por muitos, o melhor Android no mercado, até aquele momento.

Sim, até aquele momento, porque agora já temos o Huawei Mate 20 Pro, e podemos afirmar com toda a certeza que a Huawei aproveitou da melhor forma este 2018 da Samsung…

Aliás, até há quem diga, que a Huawei é a nova Samsung, e que o Mate 20 Pro, é tudo aquilo que o Galaxy Note 9 deveria ter sido, se a empresa não estivesse tão focado em jogar pelo seguro.

Mate 20 Pro é

Em suma, o Mate 20 Pro da Huawei, é um autêntico ‘All-In’ da empresa Chinesa, para tentar dominar o mercado.

Alguém se lembra do primeiro Galaxy Note? Ou até do Galaxy Note Edge? E quem diz estes aparelhos, pode também meter o Galaxy Note 7 em cima da mesa, que apesar de ter ‘explodido’… Era um aparelho tremendamente poderoso.

Representando a vontade da Samsung de inovar e acima de tudo, dominar o mercado, mantendo-se sempre um passo à frente da concorrência.

Mas os mais recentes lançamentos já não demonstram esta confiança e à vontade que a Samsung demonstrava há bem pouco tempo atrás…

Enquanto que o Huawei Mate 20 Pro muda quase tudo em relação ao seu antecessor. (que até teve algum sucesso no mercado.) O Galaxy Note 9 é apenas uma atualização iterativa com uns ‘pózinhos’.

Aliás, enquanto a Samsung continua a aperfeiçoar o seu sensor de impressão digital ultra-sónico… A Huawei pega no melhor que existe no mercado no momento (sensor ótico), e implementa no seu novo topo de gama! Fazendo imenso sucesso e ganhando novos fãs no processo.

O mesmo pode ser dito acerca do sistema de reconhecimento facial 3D. Que apesar de não ser perfeito, é uma adição excelente a um terminal que por si só já é completamente atulhado de tecnologia.

Dito tudo isto, mesmo que a Samsung consiga lançar um Galaxy S10 com um sensor de impressão digital ligeiramente melhor… A maioria das pessoas não irá perceber a diferença.

Contudo, irão com toda a certeza lembrar-se de quem o fez primeiro!

Mate 20 Pro é

A OnePlus continua a não implementar carregamento sem fios nos seus telemóveis, por achar que a tecnologia não está avançada o suficiente…

Algo que vários especialistas até vão concordar! Mas depois temos o Huawei Mate 20 Pro, que suporta carregamento rápido sem fios a 15W, e ainda carregamento rápido com fios de 40W! (E o carregador vem com o telemóvel na caixa, não tem de ser comprado à parte à La Apple.)

Ou seja, se comprar um Mate 20 Pro e um iPhone XS Max neste momento, e os meterem a carregar com o carregador ‘stock’…

O aparelho da Huawei irá ficar completamente carregado em pouco mais de uma hora! Enquanto que o iPhone XS Max irá demorar cerca de 3 horas e meia.

  • (O iPhone XS Max tem uma bateria muito mais pequena que o Mate 20 Pro – 3174mAh vs 4200mAh)

O Galaxy Note 9 até faz melhor figura neste campo, mas ao demorar 109 minutos, continua a precisar de significativamente mais tempo. Ainda por cima quando tem uma bateria mais pequena com 4000mAh, em vez dos 4200mAh do ‘Pro’. Similarmente, o Note 9 está também ‘capado’ a 10 W de carregamento sem fios.

Ficando assim a perder logo à partida em duas vertentes da bateria ‘vs’ o Mate 20 Pro.

Posteriormente, temos aquilo que acaba por ser o mais importante num smartphone topo de gama, a performance!

Mate 20 Pro é

O Mate 20 Pro é o primeiro Android de sempre a chegar ao mercado com um chipset de 7nm. (Kirin 980)

E embora ainda fique um pouco aquém daquilo que a Apple consegue oferecer com o seu A12 Bionic em termos de performance pura e dura… É significativamente mais poderoso do que o Snapdragon 845 e Exynos 9810, ambos de 10nm.

Se pensar bem sobre o assunto, a Samsung também arriscou bastante com o Note 9… No entanto, foi um risco mau, que no fundo, não dependia da empresa. A Samsung arriscou no facto que nunca iria aparecer no mercado um aparelho como o Mate 20 Pro, antes do lançamento do Galaxy S10.

Não foi por acaso, que há alguns meses mencionei que a Huawei tinha a hipótese de lançar ‘um Galaxy S10’, antes da própria Samsung.

Um telemóvel fortíssimo em todas as vertentes, desde o poder de processamento, até à autonomia, carregamento, performance da câmera, fluidez… Até o ecrã está ao nível daquilo que a Samsung oferece!

O que é que o Galaxy S10 pode fazer agora para fazer esquecer o melhor Android do mercado atualmente?

Mate 20 Pro é

Simples, a Samsung precisa de lançar um aparelho sem margens (sem notch). Com um sistema de câmeras capaz de meter o Mate 20 Pro no bolso. E igualmente, uma autonomia ao mesmo nível ou melhor.

O problema é que na altura de lançamento do Galaxy S10… Já a Huawei está a preparar o lançamento do P30 Pro.

Que poderá igual todos os esforços da gigante Coreana! Ao mesmo tempo que aproveita a onda de ‘Hype’ que tem desde o lançamento do P20 Pro.


O que pensa sobre isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo!