Andámos com o Seat Ibiza ’14 – Vale ou não a pena?

Desta vez, andámos com um Seat Ibiza de 2014, o hatchback da Seat e primo do VW polo. Se estão a pensar comprar um carro pequeno mas relativamente prático e poupado, é possível que estejam a ponderar o Ibiza como uma opção.

Sim, de facto é uma mudança drástica de quem vem de um Abarth 500, mas obviamente que têm funções diferentes.

A linha Seat Ibiza começou em 1984, com a primeira geração e até este dia é uma opção muito popular para quem procura um citadino.. Mas não é disso que estamos aqui para falar!

As especificações

Este modelo conta com inúmeras versões, tanto a diesel como a gasolina.

Ao nível da gasolina temos, inúmeras opções de motores, podendo ser três ou quatro cilindros e com variações drásticas de potência. É possível ter entre 60cv com o 1.2 de três cilindros e ter 192cv com o 1.8 TSI (que equipa o modelo Cupra)

Temos também várias opções a diesel, tal como acontece com a gasolina. Mais especificamente, são três ou quatro cilindros, que vão desde um 1.2 TDI com 75cv até um 2.0 TDI com 143 cv.

O modelo que nos foi fornecido vinha com um 1.2 TDI de 75cv. Este motor tem uma certa fama de dar alguns problemas, nomeadamente com o filtro de partículas. O carro possui então uma caixa de 5 velocidades, sendo ideal para um destes carros.

Em termos de consumos podemos contar com cerca de 5.8 litros aos 100km, mas facilmente sobe. Para o atestarmos gastamos cerca de 60€ se utilizarmos diesel “normal”.

É Prático?

Este carro está à altura do que é suposto. É confortável e tem tanto espaço à frente, como atrás. No entanto, se quiserem transportar três pessoas na parte traseira não vai ser a experiência mais confortvável, pois o carro não é muito largo e a altura também deixa a desejar.

Em termos de bagageira temos 292 litros (na versão de 5 portas) e caso baixemos os bancos podemos contar com 847 litros de espaço.

Este carro contempla um interior simples e útil, tendo para mim um enorme problema, que é a falta de espaço de arrumação. Mesmo com o porta luvas relativamente grande, as bolsas das portas são estreitas e não existe espaço de arrumação entre os bancos, ou seja não tem apoio de braços.

Veredicto Final

Com os preços para o 1.2 TDI a estarem à volta dos 10.000€ (com uma boa quilometragem) não é uma aquisição que me atraia muito. Caso procurem mesmo um carro a diesel, eu apontaria para, pelo menos, um 1.4 TDI, estando este à volta dos 14.000€.

Temos também de ter em mente que a nova geração deste carro já está a venda e começa nos 15.360€.

Em termos de condução o carro não é nada de espetacular, mas caso esteja apenas à procura de um meio de transporte, este veículo vai satisfazer as suas necessidades, inclusivé o 1.2. As coisas que, pessoalmente mais me incomodam são o barulho do motor de 3 cilindros, a caixa de 5 velocidades e neste carro especificamente, a falta de um apoio de braço.

Verdade seja dita, gosto bastante da simplicidade do interior. Tem tudo o que é preciso sem nada de complicações. Gosto também da estética do carro, sendo esta também a parte que mais cativa o dono do Seat Ibiza. Ainda assim, acho que lhe falta o kit estético da FR.

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também

Deixe um comentário