Ryzen – CPUs AMD Zen 2 de 7nm vão ter um aumento de 13% no IPC


Parece que a AMD vai aproveitar a sua onda de sucesso! Para lançar novos processadores de 7nm baseados na arquitetura Zen 2 em 2019, com um aumento de performance bastante significativo em toda a linha!

A arquitetura AMD Zen 2 irá oferecer um aumento de 13% no IPC em relação à ‘Zen+’.

O rumor vem do site Bits and Chips, dizendo que a arquitetura Zen 2 irá trazer um aumento de 13% (Instructions Per Clock Cycle – IPC), em relação à atual arquitetura Zen+.

Estes números parecem ser específicos de tarefas científicas. (Por isso é provável que sejam provenientes de testes de amostras de algum EPYC ‘Rome’ de 7nm.)

  • Infelizmente, ainda não temos qualquer resultado Gaming… Visto que os processadores para o mercado de consumo ainda estão um pouco longe.

No entanto, temos de salientar, que estas melhorias foram verificadas com as frequências da atual geração!

Por isso, tendo em conta que além de uma nova arquitetura, também iremos mudar de processo de fabrico… Logo, é possível que os clocks aumentem um pouco, aumentando ainda mais a performance final.

Dito isto, mesmo estes 13%, são um dos maiores saltos de IPC no mundo dos processadores nos últimos tempos. Afinal de contas, a Intel tem estado estagnada, enquanto que a AMD apenas conseguiu um aumento de 3% na passagem da arquitetura Zen para a Zen+.

Em suma, um número com dois dígitos é muito bem vindo, fazendo da AMD, finalmente um oponente de peso para a Intel.

AMD Zen 2

Além disto, não é a primeira vez que ouvimos falar de um aumento de performance deste tipo, quando falamos da arquitetura Zen 2 da AMD! Pois, há alguns meses, já tínhamos ouvido falar de um aumento entre os 10-15% de IPC.

Já sabemos que além dos seus processadores pensados para o mercado de servidores EPYC ‘Rome’, a AMD também está a trabalhar em novos processadores Ryzen de 7nm, baseados nesta arquitetura Zen 2.

Aliás, alguns rumores mencionam que estes CPUs já estão a ser testados nos laboratórios da AMD, nas configurações de 8 núcleos e 16 threads, capazes de chegar aos 4.5GHz.

Se a AMD conseguir estender a sua gama de produtos com CPUs de 7nm, baratos mas com um desempenho apetecível… A Intel que se cuide!

Em suma, um aumento de IPC na ordem dos 10-15%, pode ser excelente para a AMD! Visto que além disto, ainda vamos ver um aumento na frequência, devido ao novo processo de fabrico. O que em conjunção com algumas mudanças arquiteturais e suporte a maiores frequências de memória, podemos estar a olhar para um pacote demasiado bom para recusar.

Contudo, neste momento, são apenas rumores… Temos de esperar por mais detalhes na CES 2019.

Fonte

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.

Mais deste autor

Relacionadas

Publicidadespot_img

Últimos artigos

Google Calendar: o calendário da Google agora tem chat!

A Google adora adicionar sistemas de comunicação às suas aplicações. O Google Fotos tem um sistema próprio e o Google Docs também. Agora é...

Microsoft Surface Duo: o smartphone que não faz falta no mercado

A Microsoft anunciou o primeiro smartphone dobrável em Outubro de 2019. No entanto ele só chegou às lojas quase um ano depois. Não se...

YouTube: finalmente já é possível descarregar vídeos no PC!

No Android e no iOS, o YouTube Premium permite armazenar conteúdos para serem visualizados offline. Entretanto a possibilidade de descarregar vídeos do YouTube está...

Não perca nenhuma informação de última hora!

Registe-ne na Newsletter Leak e receba diariamente todas as informações no seu email!