Mi Band 4

Xiaomi Mi Band 4 – Os wearables estão neste momento, numa fase brutal de crescimento! Isto depois de vários fabricantes decidirem abandonar o Google WearOS, para apostar nas suas próprias soluções e assim, saírem um pouco fora da caixa.

Dito isto, como deve saber, a Xiaomi é a rainha dos Wearables, muito devido à fantástica gama de bandas de fitness, como é a Mi Band 4!


Se estiver interessado, pode comprar aqui (29€ – Cupão: ‘BGM43C’).


Xiaomi Mi Band 4: Afinal, o que vale a nova oferta da gigante Chinesa?

Mi Band 4

A Xiaomi já lançou a sucessora à super popular Mi Band 3. Que com algumas atualizações a nível de ecrã e funcionalidades, parece manter a mesma fórmula de sucesso, que elevaram a gigante Chinesa ao topo do mercado de wearables.

Se formos olhar apenas para as especificações do aparelho, é provável que não fique imensamente impressionado. Mas na verdade, temos algumas pequenas diferenças que podem fazer toda a diferença em relação à sua antecessora.

Abram alas ao ecrã a cores AMOLED

No fundo, a grande novidade da Mi Band 4 é o seu ecrã Super AMOLED. Ou seja, agora temos um ecrã a cores de 0.95’’ e resolução de 120×240. Além disto, podemos ainda contar com um brilho máximo de 400nits, bem como um ecrã 2.5D curvo.

Para ter noção, em comparação, a Mi Band 3 tem um ecrã OLED (Preto e Branco) de 0.78’’ e resolução de 128×80.

Assim, é fácil chegar à conclusão que a Mi Band 4 tem um ecrã 2x mais alto que o que podemos encontrar na pulseira do ano passado.

Será que esta mudança para o ecrã Super AMOLED tem assim tanto impacto?

Sem dúvida que sim! Parece que estamos a lidar com um mini smartwatch, em vez da clássica fitness band que tanta fama deu à Xiaomi. Temos ainda de salientar, que a este preço, muito dificilmente irá encontrar uma outra pulseira com estas funcionalidades e um ecrã deste tipo.

Xiaomi Mi Band 4: Que funcionalidades podemos encontrar?

Este wearable da Xiaomi, é um dos mais apetrechados do mercado, especialmente se tivermos em conta o seu preço. Portanto, aqui podemos encontrar uma bateria de 135mAh, que deverá oferecer uma autonomia até 20 dias. Entretanto, para conectividade temos suporte à tecnologia Bluetooth 5.

Posteriormente, temos ainda suporte a notificações, chamadas e mensagens. Bem como, rastreamento de atividades desportivas, monitorização cardíaca, cronómetro, encontrar o smartphone, alarme, contagem de passos, calorias, etc…

E claro, finalmente a adição do controlo musical! Que apesar de ter de ser carregado cada vez que o quiser usar, é até bastante rápido nas suas funcionalidades.

Xiaomi Mi Band 4: Ok… Mas será que estas funcionalidades/novidades, significam que é uma boa compra?

Na minha opinião, quando consideramos a compra de uma Mi Band, não podemos estar à espera de receber um smartwatch completo. É no fundo, uma fitness band, com várias funcionalidades ‘smart’ que em boa verdade são um extra.

Dito isto, a Mi Band 4 é sem dúvida a fitness band da Xiaomi que mais se aproxima a um relógio inteligente.

mi band 4

Aliás, acho que a nível de funcionalidades temos aqui mais potencialidades, do que por exemplo os mais recentes relógios da Huawei (Watch GT e Honor Magic Watch). Que me acabaram por desiludir, depois dos excelentes Huawei Watch 1 e 2 baseados no Wear OS.

Se vale a pena? Claro que sim! Por pouco mais de 20€, tem aqui um produto brutal tendo em conta o investimento. É claro que não vou trocar o meu Galaxy Watch ou Fossil Sport por esta Mi Band. Mas se por acaso está curioso, e quer entrar no mundo dos wearables, é difícil recomendar outro produto, senão este.

Leak Excelente


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião, nos comentários em baixo.

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.