Xiaomi CC9e aparece no Geekbench! Confirma o processador?

O Xiaomi CC9e aparece no Geekbench a um dia do lançamento oficial. Assim, já existem vários resultados de benchmark, mas nenhum deles especifica o chipset que alimenta este dispositivo. Este smartphone aparece como Xiaomi MI CC 9e. O resultado mostra que este smartphone tem 6GB de memória e executa o Android 9.

Xiaomi CC9e aparece no Geekbench! Confirma o processador?

Mais especificamente, os resultados do benchmark afirmam que este smartphone é alimentado por um processador octa-core com uma frequência base de 1,80 GHz. Até agora, havia rumores de que este dispositivo seria alimentado pelo chipset Snapdragon 710. No entanto, estes resultados provam que isso não é verdade.

Xiaomi CC9e aparece

É que todos os equipamentos alimentados pelo SD710 têm uma frequência base de 1.71GHz e o identificador é bem diferente. Então, que chipset é? Somos capazes de adivinhar. Ora vejamos.

Há cinco resultados diferentes em todos. Por vezes, com enormes flutuações.

Xiaomi CC9e aparece

Sabemos que não é o Snapdragon 660 porque o SD660 tem uma frequência base de 1,84 GHz. Sabemos também que não é o Snapdragon 636 ou o Snapdragon 632, como algumas publicações relataram, já que nenhum desses chipsets tem uma pontuação superior a 5000 pontos. Também não é definitivamente o Snapdragon 675 que apresenta resultados mais elevados, mas também têm uma frequência base de 1.71GHz.

Considerando que as pontuações estão entre as do Snapdragon 636 e do Snapdragon 660, acreditamos que o Mi CC9e pode ser alimentado pelo Snapdragon 665. Este chipset foi anunciado pela Qualcomm no início de abril, mas ainda não apareceu num smartphone.

Xiaomi CC9e aparece

O Snapdragon 665 usa os mesmos núcleos Kryo 260 que o Snapdragon 660 e o Snapdragon 636. No entanto é desenvolvido com 11nm contra os 14nm do SD660 e do SD636. Além disso, o Snapdragon 665 tem uma velocidade de relógio menor que a do SD660, mas maior que a do SD636. Isto explica porque é que as pontuações estão entre as dos dois processadores.

A Xiaomi foi a primeira a lançar um smartphone equipado com um chipset Snapdragon 710. Também foi a primeira a lançar um equipamento com um processador Snapdragon 712. Assim é provável que lancem também o primeiro com chipset Snapdragon 665.

Fonte

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Subscreva a newsletter Leak e tenha acesso diário aos principais destaques, ofertas e descontos nos parceiros Leak. Clique aqui

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Leia também