Samsung é líder mundial de smartphones e vence Apple

De acordo com a Counterpoint Research, a Samsung foi o principal fabricante de smartphones a nível mundial durante o primeiro trimestre de 2024, enviando um em cada cinco telemóveis entregues durante os primeiros três meses do ano. As expedições da Samsung aumentaram 6% numa base anual, mas diminuíram 8% em comparação com o quarto trimestre do ano passado. Esta quota de 20% ultrapassou a fatia de 17% do bolo dos smartphones detida pela Apple.

Samsung é líder mundial de smartphones e vence Apple

As notícias não foram de todo más para a Apple. Embora as remessas da Apple tenham diminuído 13% em relação ao ano anterior durante o primeiro trimestre, o preço médio de venda (ASP) do iPhone atingiu um recorde para qualquer primeiro trimestre. Tudo graças à forte procura dos modelos iPhone 15 Pro. O fabricante que terminou em terceiro lugar, apenas três pontos percentuais atrás da Apple, foi a Xiaomi. Entre os seis primeiros, a empresa registou o maior crescimento anual no primeiro trimestre de 2024, com 34%. No geral, a Xiaomi foi responsável por 14% dos smartphones enviados para todo o mundo de janeiro a março.

O quarto, quinto e sexto fabricantes listados no relatório foram a Oppo (8% de quota de mercado), a Vivo (7%) e a Honor (6%). No geral, o número de unidades de smartphones enviadas globalmente no primeiro trimestre de 2024 foi de 296,9 milhões, de acordo com a Counterpoint, 6% superior ao número enviado durante o primeiro trimestre de 2023. As receitas atribuídas às vendas de smartphones atingiram um novo recorde no primeiro trimestre, após um aumento de 7% em relação ao ano anterior.

Como lhe dissemos no início do mês, na América do Norte, o iPhone continuou a dominar.

Isto uma vez que 52% dos smartphones enviados no continente de janeiro a março eram iPhones. A Samsung vem logo a seguir, com uma quota de 31%. Significa que, na América do Norte, a Apple e a Samsung representam, em conjunto, 83% das expedições de smartphones nesse mercado. Na Europa, a Samsung liderou a Apple em termos de quota de mercado durante o primeiro trimestre, com uma margem de 32% para 25%.

Na América Latina, a quota de mercado de 31% da Samsung superou a da segunda empresa em 10 pontos percentuais. O segundo lugar foi ocupado pela Motorola (21%). A Apple ficou empatada com a Xiaomi em quarto lugar, com 6% desse mercado. Entretanto no Médio Oriente e em África (MEA), a Samsung detinha uma quota de 22% das remessas de smartphones no primeiro trimestre, seguindo-se a Tecno com uma quota de mercado de 16%. A Apple ficou em sexto lugar, depois de ter sido responsável por apenas 5% das vendas de smartphones no primeiro trimestre na região.

Entretanto na Ásia, nem a Samsung nem a Apple foram a marca líder. Numa batalha muito disputada, a Xiaomi assumiu o primeiro lugar no primeiro trimestre com uma quota de mercado de 15%, seguida por três fabricantes com 14% (Vivo, Oppo e Apple). A quota de 12% da Samsung ficou em quinto lugar, enquanto a quota de 8% da Honor a colocou em sexto lugar.

Siga a Leak no Google Notícias e não perca todas as informações mais importantes.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Especiais

Subscreva a Newsletter Leak

Não perca nenhuma informação importante! Subscreva a newsletter Leak e receba todas as notícias, destaques e outras informações importantes no seu e-mail.

Artigos relacionados