(AMD vs Intel) – Intel voltou a tentar enganar os consumidores

Apesar do nome ser muito similar, a RTX 2060 (mobile) e RTX 2069 Max-Q não são a mesma placa gráfica, visto que não oferecem nem de perto nem de longe a mesma performance. No entanto, isto não interessa nada para o marketing da Intel, que voltou a ‘enganar’ os consumidores num dos seus famosos slides de comparação, desta vez ao tentar por o Intel Core i7-10750H de 45W contra o Ryzen 4900HS de 35W.



Intel volta a tentar enganar os consumidores para fazer boa figura

Portanto, a Intel afirmou que o seu Intel Core i7-10750H é 18~23% mais rápido que o impressionante Ryzen 4900HS que equipa o recente portátil ASUS Zephyrus G14 que até temos neste momento em teste.



Dito isto, vamos ao que interessa!

A Intel decidiu meter dois portáteis equipados com estes dois processadores previamente mencionados num frente a frente. De forma a provar a teoria que o seu Intel Core 10000 mobile é mesmo a escolha indicada para o gaming.

O problema é que o portátil Ryzen está equipado com uma RTX 2060 Max-Q (65W), enquanto o portátil Intel está equipado com uma RTX 2060 mobile (90W). Além disto o portátil Ryzen tem uma espessura de 22mm (com um ecrã de 14”), enquanto o portátil Intel tem uma espessura de 27mm (ecrã de 15.6”). Ou seja, além das placas gráficas oferecerem performance bem dispáres (vantagem para o lado da Intel).

Também estamos a falar de tamanhos (e pesos) completamente diferentes. Algo que a Intel pode não acreditar, mas influencia bastante a decisão dos consumidores quando a palavra de ordem é o facto de serem máquinas ‘mobile’.

Mas isto não chegou para convencer a Intel que tudo isto iria influenciar os resultados… Chegando a este irónico slide. Irónico porquê? Bob Iger (CEO da Intel) disse há algumas semanas atrás que os benchmarks e resultados dos testes não deveriam de interessar. (Link Aqui)


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Fonte

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também

Deixe um comentário