Huawei quer colocar 200 milhões de smartphones nas lojas


Por em

O CEO da Huawei, Yu Chengdong (também conhecido como Richard Yu), partilhou um vídeo na sua conta oficial da Weibo (rede social chinesa), que assinala o aniversário da comunidade Weibo da Huawei. No vídeo que tem cerca de um minuto, ele afirma que a empresa pretende enviar 200 milhões de dispositivos para o mercado em 2018.

Neste vídeo, Richard Yu também afirma que a Huawei conseguiu enviar para as lojas mais de 150 milhões de dispositivos no ano passado, onde se incluem os equipamentos da Honor. Se conseguir a proeza de chegar aos 200 milhões este ano, estamos a falar de um aumento na casa dos 30%.

No primeiro trimestre deste ano, a Huawei foi a terceira fabricante de smartphones, logo atrás da Samsung e da Apple, embora não tenhamos informações acerca das remessas neste momento. Assim, teremos de esperar mais um pouco para ficarmos a saber quantos dispositivos é que a Huawei já disponibilizou até agora.

Os smartphones P20, P20 Pro e P20 Lite da Huawei têm sido bastante populares. No início deste mês, a empresa anunciou que já vendeu 6 milhões de unidades do P20. Já o Honor 10, um smartphone topo de gama vendido pela subsidiária da Huawei, a Honor, também está a ser muito bem recebido no mercado. Para além de ser o terceiro maior fabricante de smartphones da Europa, a Huawei conseguiu manter o primeiro lugar na China, à frente do OPPO, Vivo e Xiaomi, pelo menos por enquanto.

A Huawei ainda está a planear lançar alguns smartphones este ano, em vários mercados, incluindo o modelo Mate 20, que deve ser disponibilizado no quarto trimestre deste ano. O Huawei Mate 20 provavelmente virá com três câmeras, assim como o Huawei P20 Pro e terá especificações melhoradas comparativamente ao P20 Pro.

Logo à partida destaca-se o chipset Kirin 980, que ainda não foi lançado.

Leia também

Ou veja mais notícias de Android

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.
Etiquetas
Anterior

Facebook está a testar maneiras de ‘silenciar’ palavras-chave!

Spotify prepara-se para apostar no vídeo. Concorrência ao Netflix?

Seguinte