Atenção! Google Fotos: armazenamento de fotos vai ser pago!

O Google Fotos vai deixar de oferecer armazenamento ilimitado grátis para as fotos de alta qualidade. Isto foi revelado por este empresa no blog oficial onde afirma que para continuar a salvaguardar as memórias terá de impor limites. Assim a partir de Junho de 2021, o armazenamento gratuito vai até aos 15GB que vêm com qualquer conta Google. Depois disso terá de pagar uma subscrição do Google One. Eu já pago o armazenamento no Google Fotos há algum tempo mas porque guardo as fotos com qualidade original. Quem guardava com alta qualidade não tinha de pagar nada. Agora tudo vai mudar.

Google Fotos: armazenamento de fotos vai ser pago!

Os preços começam nos 2 Euros por mês para 100GB, ou seja, cerca de 20 Euros por ano.

A Google sabe que isto é uma grande mudança e foi exatamente por esse motivo que a quis revelar com antecedência.

Claro que quando esta informação foi revelada deu origem a muita conversa. No entanto há boas notícias.

Google Fotos armazenamento pagar

Esta mudança de política apenas se aplica a fotos e vídeos que sejam carregadores depois de 1 de Junho. Ou seja, o que carregou antes não conta para estes limites. A Google afirma que de facto, os utilizadores vão levar algum tempo a chegar aos 15GB. No entanto, para quem tem por hábito guardar muitos vídeos, isto não é bem assim. Eu não levei muito tempo a preencher o espaço. É verdade que as fotos levam bastante tempo. Mas os vídeos nem por isso.

Quem guarda as fotos com qualidade original e até já paga por ter atingido o limite não vai sofrer qualquer alteração.

Google Fotos armazenamento pagar

Para que não fique com o espaço cheio muito rapidamente a Google vai lançar uma nova ferramenta que vai ajudar. Isto vai permitir eliminar rapidamente o que estiver a mais. Por exemplo fotografias muito escuras ou com fraca qualidade, que até já estejam repetidas.

Para que não tenha custos sem estar à espera, a Google vai enviar-lhe alertas e avisos quando estiver a chegar ao limite. Entretanto até vai dar uma ideia durante quanto tempo as pessoas vão poder continuar a usar o Google Fotos sem atingirem o limite.

Mas há mais coisas que se vão pagar!

Esta não é a primeira vez em que a Google mostra vontade de monetizar o Fotos. Para além de ter revelado os serviços de impressão, também já começou a disponibilizar alguns filtros de forma premium.

O Google Photos v5.18 começou a chegar recentemente a vários utilizadores na Play Store. Aparentemente este update inclui apenas correções de erros e melhorias no armazenamento de fotos e vídeos editados nos cartões SD. No entanto, uma desmontagem deste APK revelou linhas que mostram novas funcionalidades premium.

Google Fotos armazenamento pagar

Em primeiro lugar, as linhas incluem avisos para os utilizadores sobre as funcionalidades premium. Nelas pode ver-se que os utilizadores são incentivados a aderir ao Google One. Mais especificamente dizem que ao aderir a este serviço vai ter direito a funcionalidades extra.

Apesar de tudo isto e da menção às funcionalidades premium, não se sabe exatamente quais é que elas serão. Ainda assim terão de ser atrativas. Pelo menos para justificar a aquisição de uma conta Google One.

Google Fotos armazenamento pagar

Entretanto foram descobertas mais algumas coisas. Por exemplo, o editor de fotografias da app vai ter três sugestões de pré-processamento. Falo do modo dinâmico, HDR e vívido. Não se sabe ao certo como é que isto vai funcionar.

Para além disso teremos acesso a novos filtros que vão permitir modificar o céu. As linhas de código mostram que teremos seis filtros. Uns permitem dar mais brilho e outros dar um ar mais nublado.

Não se sabe se estas novidades já estarão incluídas nas funcionalidades pagas. No entanto, é bem provável. Até porque foram desenvolvidas ao mesmo tempo.

Seja como for a Google deverá detalhar isto em breve e explicar ao certo o que será pago ou será gratuito. Vamos esperar que a maioria das funcionalidades se mantenha grátis!

O primeiro efeito já está a pedir pagamento!

Google Fotos armazenamento pagar

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Mais deste autor

Relacionadas

Publicidadespot_img

Últimos artigos

Microsoft Surface Duo: o smartphone que não faz falta no mercado

A Microsoft anunciou o primeiro smartphone dobrável em Outubro de 2019. No entanto ele só chegou às lojas quase um ano depois. Não se...

YouTube: finalmente já é possível descarregar vídeos no PC!

No Android e no iOS, o YouTube Premium permite armazenar conteúdos para serem visualizados offline. Entretanto a possibilidade de descarregar vídeos do YouTube está...

Windows 11: Microsoft acaba de deixar os utilizadores em pânico!

Há coisas que são difíceis de compreender. Como referimos outro dia na Leak, a Microsoft lançou uma nova versão do PC Health Check Tool....

Não perca nenhuma informação de última hora!

Registe-ne na Newsletter Leak e receba diariamente todas as informações no seu email!