(Especial) As televisões curvas ‘morreram’? Porquê?

Há alguns anos, era completamente normal ir a uma grande loja, e ver todo o tipo de TVs curvas no tradicionais ‘showrooms’, aparelhos que prometiam uma qualidade de imagem e um nível de imersão nunca antes visto no mercado. No entanto, o preço era quase sempre proibitivo, e por isso, a coisa nunca chegou a grandes níveis de popularidade. Além disto, a verdade é que a tecnologia também não era nada de especial.

É que além do preço, temos de ser realistas… Enquanto faz algum sentido ter um monitor curvo no nosso PC para trabalhar ou jogar, as TVs curvas nunca foram mais que um simples ‘gimmick’. Sabe porquê?

(Especial) As televisões curvas ‘morreram’? Porquê?

Portanto, as TVs curvas acabaram por falhar no mercado de consumo, porque… Obrigavam a que o utilizador se sentasse diretamente à frente da televisão. O que numa casa pode fazer pouco sentido, especialmente numa situação familiar.

Afinal de contas, normalmente, uma TV está sempre num sítio central da divisão, para permitir que todos consigam ver o que se está a passar no ecrã. Esta estratégia não funciona com estas televisões, visto que com o ecrã curvo, o ângulo de visualização é mais pequeno, com o sweet spot a ser o sítio diretamente à frente do painel. Além disto, para ter a melhor experiência possível, precisa de se sentar de forma muito próxima ao painel, para conseguir tirar partido do efeito curvo do televisor. Ou seja, quem tiver o ‘azar’ de ficar numa posição lateral, vai ter uma experiência de visualização muito aquém do esperado.

É uma experiência que correu mal, e que até pode ser comparada ao 3D, que também fez correr muita tinta, mas lentamente começou a desaparecer das prateleiras. (Curiosamente, também era uma tecnologia extremamente cara.)

Entretanto, como disse em cima, o mercado de monitores curvos continua bem vivo no mundo do gaming. Porquê? Aqui é muito mais fácil tirar o partido máximo do design, porque os utilizadores estão numa posição frontal, sempre muito em cima do painel. O que claro está, permite aproveitar o efeito imersivo ‘wraparound’.

Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Alguma vez comprou ou quis comprar uma TV curva? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.

Mais deste autor

Relacionadas

Publicidadespot_img

Últimos artigos

Windows 11 Build 22000.194 (KB5005635) já está disponível!

O Windows 11 Build 22000.194 (KB5005635) está disponível para todos os que estão inscritos no programa Windows Insider. Não é o maior update do...

Memória RAM DDR5 vai desiludir no início do seu ciclo de vida

Como deve saber, a memória RAM DDR5 está prestes a chegar ao mercado! De mãos dadas com a nova família de processadores Intel Core...

Sir Clive Sinclair: morreu o grande pai do ZX Spectrum!

Hoje é um dia triste, especialmente para quem é fã do Spectrum ou teve a sorte de conviver com este computador fantástico. É que...

Não perca nenhuma informação de última hora!

Registe-ne na Newsletter Leak e receba diariamente todas as informações no seu email!