(Especial) A Intel vai abrir as portas do domínio do mercado à AMD!?

Domínio da AMD? – Não é novidade para ninguém que a AMD teve um regresso ao sucesso que é quase uma história da Disney, tal era o seu estado antes do lançamento dos primeiros processadores baseados na arquitetura Zen, os Ryzen 1000 de 2017. No entanto, se acha que todo este sucesso se deve apenas ao trabalho da AMD, está muito enganado… A empresa teve uma quantidade de sorte extraordinária, ao rivalizar com uma Intel que está constantemente a dar tiros nos pés.



Aliás, há algumas semanas atrás disse aqui na leak.pt que apesar de ser muito importante ter uma AMD forte, estava à espera de ver um regresso forte da Intel ao mundo dos processadores desktop, nomeadamente em 2021, altura em que o processo de 7nm deveria dar um primeiro ar de sua graça. Ao fim ao cabo, ter duas gigantes a lutar no mercado é sempre melhor do que ter apenas uma opção! A rivalidade não só leva a uma guerra de preços, como também leva a que ambas as empresas trabalhem mais e melhor.

No entanto, parece que a Intel acabou de dar um tiro de caçadeira nos dois pés… Ao fim ao cabo, o processo de 7nm também apresenta problemas críticos, que irão resultar num adiamento de pelo menos 6 meses. Ou seja, os primeiros processadores baseados no processo de 7nm (que alegadamente é equivalente ao processo de 5nm da TSMC), apenas irão chegar às prateleiras no fim de 2022 ou início de 2023.

A Intel vai abrir as portas do domínio do mercado à AMD!?

domínio amd

Portanto, numa altura em que tudo apontava para um regresso à normalidade no mundo Intel, com os 10nm finalmente resolvidos e os 7nm a prometer um aumento de performance brutal. Eis que acontece uma tragédia. Ao fim ao cabo, a gigante azul dos micro-processadores aproveitou o lançamento do seu relatório de contas do segundo trimestre, para anunciar que o processo de produção de 7nm irá ficar em banho maria durante pelo menos 6 meses. O que claro está, irá resultar num adiamento de todo o planeamento da empresa.

Porquê?

O CEO da Intel (Bob Swan) confessou que existe um ‘defect mode’ no processo de 7nm. Algo que a AMD não tem de lidar, visto que a sua parceira TSMC parece ter mais talento do desenvolvimento das suas linhas. Aliás, os 7nm da TSMC andam a bombar há mais de um ano, e além de chips para a AMD, também fornece a Qualcomm, Apple, Huawei, etc…

No entanto, ao que tudo indica, a Intel já identificou o problema! Agora resta saber se vai ser capaz de o resolver.


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.

Mais deste autor

Relacionadas

Publicidadespot_img

Últimos artigos

Filme da Netflix paga milhões a L. DiCaprio e Jennifer Lawrence!

Tendo em conta que ainda este ano vamos receber vários filmes na Netflix, o melhor mesmo será revelar-lhe desde já um dos melhores a...

A Indústria Automóvel está a sofrer (muito) com a crise!

Como deve saber, a atual crise de produção de semicondutores afetou várias indústrias, como a dos smartphones, a de componentes para PCs, mundo dos...

Polémica na Netflix! Caso de violação abana a plataforma!

A Netflix é uma das maiores plataformas de Streaming do mercado, isto não é novidade para ninguém, e como tal, sempre que algo fora...

Não perca nenhuma informação de última hora!

Registe-ne na Newsletter Leak e receba diariamente todas as informações no seu email!