BMW

Será que os carros elétricos são assim tão amigos do ambiente? – Muito se tem falado na questão dos veículos elétricos, nomeadamente de como são o futuro, visto serem muito mais amigos do ambiente.

De fato, muitos países orgulham-se atualmente de poderem dizer que têm a maior adoção de carros elétricos, como é o caso da Noruega. Um país que em paralelo também utiliza maioritariamente energia hidroelétrica, em vez de recorrer aos combustíveis fósseis.

Pode achar esta introdução um pouco confusa, mas não se preocupe que já vamos ligar tudo!

Mas serão os veículos elétricos assim tão amigos do meio ambiente? Será que o impacto é assim tão diferente dos automóveis mais comuns, a gasolina ou gasóleo?

São estas e outras questões que pretendemos responder nas próximas linhas.



Quão amigos do ambiente são os carros elétricos?

carros elétricos ambiente carro elétrico

Portanto, antes de mais nada, existem vários estudos que demonstram que o carro elétrico é geralmente mais eficiente em relação aos veículos tradicionais a combustão.

Afinal de contas, um estudo europeu afirma que é expectável que a performance de um carro elétrico em 2020 seja de tal maneira alta e eficiente. Que este acabe por utilizar apenas dois terços da energia utilizada por um carro normal. A fazer exatamente o mesmo.

Assim, isto acaba por significar, que mesmo que um carro elétrico seja carregado apenas por eletricidade produzida por combustíveis fósseis… Vai ser mais amigo do ambiente , em comparação a um veículo tradicional!

Ou seja, para simplificar a coisa… Se um carro elétrico estivesse a utilizar o mesmo exato combustível que um carro a gasolina ou a gasóleo, vai acabar por gastar muito menos! O que muitas vezes acontece, visto vários países ainda dependerem forte e feio da energia gerada por centrais que vivem de combustíveis fósseis.

Então, mas se carrego o carro com esta eletricidade, estamos a queimar combustível e a libertar gases para a atmosfera!

Claro que a produção de energia elétrica via combustíveis fosseis liberta uma série de gases que são nocivos. A questão é que normalmente estas estações estão mais distantes da população, ao invés de nas nossas ruas ou ao pé das nossas escolas.

O que nos leva a pensar… Como é a produzida a eletricidade onde eu vivo ?

carros elétricos ambiente carro elétrico

Depende do país onde vive. Como dito no início do artigo, a Noruega usa maioritariamente energia hidroelétrica, enquanto em França utilizam mais energia Nuclear. Já a Alemanha, Inglaterra e nós em Portugal utilizamos um misto de combustíveis fosseis com energia renovável.

Por isso, nada melhor que investigar um pouco para perceber a pegada ambiental do seu carro.

Então, e a poluição originada pela construção do próprio carro elétrico?

Tesla nova atualização 2019.8.3

Normalmente a produção de um carro tradicional envolve a emissão de 5.6 toneladas de CO2. Entretanto, em comparação, um carro elétrico aumenta este número para as 8.8 toneladas.

Dito isto, das 8,8 toneladas de CO2, mais ou menos metade (50%) deve-se à produção da bateria. Atenção que este valor depende dos kWh da mesma. Em baixo falaremos um pouco mais disto.

No entanto, mesmo tendo estes valores em conta, ao longo do seu ciclo de vida, o carro elétrico vai ser responsável por apenas 80% das emissões em comparação a um carro ‘normal’.

Agora o mais importante, então e a bateria? É realmente amiga do ambiente? Mais ou menos…

Quem quiser comprar um carro elétrico tem de ter consciência de todo o impacto ambiental da sua produção. Por isso será preferível escolher um modelo em que a produção da bateria foi eficiente nos gastos de energia. (Algo que poderá ser um pouco difícil de descobrir)

Fique assim a saber, que a produção de baterias de lítio corresponde a emissões de 150 a 200 kg de dióxido de carbono por cada kWh de energia gerada pela bateria.

Desta maneira, um Tesla novo com 0KM feitos, equipado com uma bateria de 100 kWh (a bateria com maior capacidade de armazenamento no mercado actualmente), já enviou 15 a 20 toneladas de CO2 para a atmosfera! Para ter noção, um automóvel a gasolina com emissões de 120 g/km necessita de percorrer 125 mil quilómetros para emitir a mesma quantidade de dióxido de carbono.

Em suma, dependendo do carro elétrico que escolher, pode estar a ajudar o ambiente, ou então… não.


(Especial) Os carros elétricos são assim tão amigos do ambiente? – Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião, nos comentários em baixo.

Fontes 1 2

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.