Apple reduziu produção do iPhone XS e XR pela segunda vez este mês

A Apple parece estar a ter algumas dificuldades nas vendas dos seus iPhones mais recentes, tudo devido a uma procura bastante abaixo do esperado! Isto de acordo com algumas fontes nas linhas de distribuição e de fornecimento de componentes, visto que a empresa voltou a cortar a produção dos seus novos topos de gama.

A primeira ronda de ‘cortes’ começou no início deste mês, com a Apple a reduzir a produção do iPhone XR em mais ou menos 25%… Posteriormente, os cortes chegaram também aos modelos ‘Premium’, iPhone XS e XS Max.

Algumas fontes dentro das linhas de fornecimento e distribuição, disseram ao DigiTimes:

A Apple comunicou agora um segundo corte na produção, devido a vendas abaixo das expectativas dos novos iPhones. Vários fornecedores de componentes estão agora a sentir um ‘apertão’.

a apple

O fornecedor de câmeras, Largan Precision, por exemplo, estima agora uma queda nas receitas de Novembro, em relação ao mês passado. Em paralelo, o fornecedor de PCBs flexíveis, também despediu muito recentemente cerca de 110 empregados! Num esforço, para fazer face ao corte de encomendas por parte da Apple.

O único fornecedor da lista completamente a salvo, é a TSMC, devido à grande procura do seu processo de 7nm!

Afinal de contas, a Huawei continua a apostar forte na produção do seu SoC Kirin 980. E posteriormente, ainda temos o novíssimo Qualcomm Snapdragon 8150 e GPUs AMD Radeon Instinct M160 e M150, a ocupar as linhas pelo menos até 2019. Isto já para não falar dos próximos GPUs da NVIDIA também eles de 7nm.

Entretanto, a Apple deverá focar-se na re-introdução do seu ‘velhinho’ iPhone X! Depois de vários consumidores terem optado por comprar o iPhone 8 do ano passado, devido aos exagerados preços da mais recente gama de produtos.


Nota do Redator – Esta é uma situação bastante complicada para a Apple… No fundo, é uma empresa habituada ao topo! No entanto, estar no topo tem um grande problema… É que subir mais é difícil, e a queda começa a ser grande e assustadora.


Por isso, é bem provável que a empresa sinta agora a necessidade de implementar alguma inovação, no seu próximo smartphone de topo. E você? O que acha de tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo!

Fonte

Não percas nenhuma novidade. Segue-nos no Instagram, no Facebook e no Twitter!