Inicio Especiais (Análise) Huawei MatePad 10.4: Competente e amigo da carteira

(Análise) Huawei MatePad 10.4: Competente e amigo da carteira

(Análise) Huawei MatePad 10.4 – Num mercado aparentemente estagnado no que toca a tablets Android, causado talvez pelo facto de estarem a ser vistos como cada vez mais obsoletos quando comparados aos novos telemóveis que são lançados no mercado. Chega-nos o MatePad da HUAWEI para relembrar o appeal e funcionalidade de um bom tablet a um preço bastante acessível.

Em contraste ao seu modelo “Pro”, o MatePad vem preencher um nicho de mercado muito procurado! A chamada gama média destinada a pessoas que necessitam de um tablet apenas para trabalho, assistir uns a uns filmes ou simplesmente para matar o tempo. Um segmento que na verdade ganhou uma nova vida com a chegada da pandemia.

Dito isto o aparelho em si não é nada fraco, estamos a falar de um CPU ARM Cortex-A55 (Octa-core), entre 3 a 6 GB de RAM, um ecrã de 10.4 polegadas, uma resolução de 2000×1200 (60Hz) e entre 32 e 128 GB de memória interna (em proporção à RAM).

Design

Matepad .

Em relação ao design posso dizer que o MatePad é bastante apelativo, sendo compacto e pesando apenas 450g. Ou seja, é fácil de transportar e nada cansativo de se usar durante extensos períodos de tempo.

Relativamente a entradas, temos a cada vez mais tradicional entrada type C e como já seria de esperar, não existe entrada para auscultadores, estando assim limitado ao uso de auscultadores Bluetooth.

Entretanto, talvez a minha única queixa relativamente ao seu design seja a colocação das colunas. Como eu existem muitas pessoas que utilizam o tablet numa posição lateral em vez de vertical, no entanto para segurar este tablet de uma forma confortável acabamos por inevitavelmente cobrir nem que seja um pouco as saídas de áudio. O que acaba por ser um grande desperdício, pois o som é excelente.

É de salientar também o facto de apenas existirem três tipos de segurança para o dispositivo, sendo estes reconhecimento facial, Password e Smart Unlock. Faltando o meu método go-to para desbloquear os meus dispositivos, a impressão digital.

Performance e autonomia

No que toca a performance e como seria de esperar de um produto da gama Mate da Huawei, o MatePad não deixa nada a desejar. Com o seu Octa-core, 4 GB de RAM e 64 GB de memória interna (no caso do modelo específico que estou a analisar) conseguimos fazer de tudo, desde trabalhar, ler e jogar sem grandes problemas problema.

Como fiz os testes?

Matepad .

Esta análise que estão a ler neste momento foi escrita no MatePad utilizando o WPS, posso afirmar então que é bastante competente na vertente de trabalho de que falava à pouco

Relativamente à capacidade de jogo, decidi testar com um dos jogos 3D mais pesados que está disponível na store neste momento, o Asphalt Legends 9. Verifiquei que com os SFX no máximo e a qualidade posta em “médio” conseguimos um framerate estável. Entretanto, com a sua resolução de 2000×1200 torna-se uma experiência bastante agradável (é de notar no entanto que ao aumentar a qualidade para High faz com que o framerate tenha algumas descidas).

Em relação à autonomia estamos a falar de uma bateria Li-Po 7250 mAh que nos pode durar até sensivelmente 14h. Se não estivermos a utilizar aplicações pesadas, claro.

Câmeras

Quanto às câmaras existe uma traseira com 8MP de resolução, flash LED e HDR. Sendo a câmara frontal também de 8MP com HDR porém sem flash. A resolução de filmagem de ambas pode é deixar um pouco a desejar, sendo apenas Full HD (1080p) e 30fps.

É de salientar também a câmara frontal é mais do que competente o suficiente para fazer videochamadas de trabalho em aplicações como o Zoom e Skype. Algo que nesta altura de pandemia, pode até ser uma das suas utilidades principais no que toca a trabalho.

Conclusão

Posso concluir que o MatePad é, na minha opinião, dos melhores tablets de gama média disponíveis no mercado.

Decerto que a falta de compatibilidade com tudo o que seja Google representa a sua maior desvantagem. Afinal de contas, uma grande parte dos serviços e aplicações mais utilizadas hoje em dia pertencem ao gigante da indústria. Porém se isso não for impedimento para si, se o intuito for trabalho/lazer a um preço acessível, recomendo então vivamente este modelo na Huawei.


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Subscreva a newsletter Leak e tenha acesso diário aos principais destaques, ofertas e descontos nos parceiros Leak. Clique aqui

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

mm
Gonçalo Henriques
Lembro-me de ser miúdo e passar os meus dias a jogar NES/PS1, acho que até aí já sabia que iria ser gamer para o resto da vida. Agora quero partilhar este meu interesse com todos os que estejam interessados em ouvir um geek a falar da sua paixão.

Leia também

Atualizada: Venda da PS5 na NOS esgotou em segundos!

Atualização: Entretanto a PS5 mal foi colocada à venda esgotou logo na NOS! Quer uma PS5? Vai chegar à NOS! (12€/mês) - Para atacar o...

Files do Google acaba de receber muitas novidades!

Em Junho deste ano, a Google lançou um vídeo a detalhar as modificações no acesso ao armazenamento do Android 11. O vídeo mostrou um...

(Análise) Corsair Virtuoso RGB: Precisa de auscultadores sem fios?

(Análise) Corsair Virtuoso RGB: Hoje em dia, se por ventura quiser uns bons auscultadores sem fios para jogos, é muito provável que a qualidade...

Google Fotos acaba de receber uma grande novidade! Atualize já

Em Setembro do ano passado, a Google adicionou uma nova visualização de memórias no Google Fotos. A ideia é ajudar os utilizadores a descobrirem...

Apple foi (novamente) acusada de manipular os seus iPhones

Esta conversa já não é novidade para ninguém! Contudo, é um assunto que ganha agora nova importância depois de a Euroconsumers afirmar que a...