Xiaomi afirma que as vendas na China estão quase a 100%

Pois bem, enquanto a Europa e América do Norte sofrem a bom sofrer com o COVID-19, parece que a economia Chinesa está a recuperar a um ritmo extremamente alto. Afinal de contas, a Xiaomi acabou de vir a público dizer que continua confiante nos seus investimentos para 2020, afirmando que o mercado está rapidamente a voltar ao normal.

Xiaomi afirma que as vendas na China estão quase a 100%

xiaomi

Portanto, depois de bons resultados em 2019, a Xiaomi parece confiante que os seus planos para 2020 ainda podem muito bem tornar-se uma realidade, com mais ou menos esforço. Tudo isto graças à recuperação brutal da economia Chinesa, que aparentemente, já voltou aos níveis normais de consumo.



Afinal, foi durante uma conferência de investidores, que o CFO da Xiaomi (Shou Zi Chew) disse a todos que o mercado Chinês está prestes a voltar à normalidade depois da epidemia do Coronavírus ter posto o país em estado de sítio.

Assim, segundo o CFO da Xiaomi, as vendas de smartphones, smartwatches e acessórios sofreram uma queda abrupta nos primeiros três meses do ano. Ainda assim, parece não existir medo que a população tenha medo de voltar às lojas para comprar todos os produtos em stock. Algo que o executiva acredita também ser o futuro dos restantes mercados Globais.

Entretanto, o último trimestre de 2019 foi muito bom para a Xiaomi, com um aumento de 27% nos lucros. O que por sua vez significa que a Xiaomi é a segunda maior fabricante de smartphones na China, ficando apenas atrás da Huawei… Uma rival que está agora contra a espada e a parede, com Trump a tentar arruinar o fornecimento de SoCs. Ainda assim, apenas iremos ter uma visão real do impacto do COVID-19 quando estas empresas voltarem a apresentar contas.

A Xiaomi continua a querer dominar 2020! Mas existem algumas dificuldades pelo caminho…

A fabricante está confiante na sua capacidade de dar a volta à situação, como podemos ver pela sua aposta no Online. Ainda assim, isto não quer dizer que tudo será fácil! Visto que as suas linhas de produção Indianas estão paradas até pelo menos meio do mês. Além disso, é também esperado que o mercado Europeu não recupere da mesma maneira que a China, o que poderá causar uma queda significativa na procura.


Xiaomi afirma que as vendas na China estão quase a 100% – Ademais, o que pensa sobre tudo isto’ Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Fonte

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também

Deixe um comentário