Redmi K20 e K20 Pro: já não há dúvidas quanto aos nomes!

Foi há algumas horas que o CEO da Redmi, Lu Weibing, confirmou que o nome do novo smartphone topo-de-gama seria anunciado amanhã. Para além desta novidade, também deixou no ar que o nome poderia ser P20 Pro, X20 Pro, T20 Pro e K20 Pro. Agora e antes do lançamento oficial, eis que o leakster Ishan Agarwal revelou que os próximos topos de gama desta empresa chinesa se vão chamar Redmi K20 e Redmi K20 Pro.

No entanto o leakster não partilhou mais informações acerca dos Redmi K20 e K20 Pro.

K20 Pro

Ainda assim, não é de estranhar. É que na semana passada já tinha revelado que os smartphones seriam disponibilizados na China em cores como azul, vermelho e fibras de carbono. Ao mesmo tempo, também referiu que vão estar disponíveis em quatro modelos. O primeiro tem 6 GB de RAM + 64 GB de armazenamento. O segundo, 6 GB de RAM + 128 GB de armazenamento. Já o terceiro terá 8 GB de RAM + 128 GB de armazenamento. Por fim, o quarto modelo vem com 8 GB de RAM + 256 GB de armazenamento. Especula-se que um dele seja lançado fora da China como Poco F2.

Seja como for, Redmi K20 e Redmi K20 Pro não são nomes estrondosos para smartphones topo-de-gama.

É exatamente por esse motivo que amanhã vai ser interessante percebermos o porquê. Entretanto a data de chegada às lojas também deverá ser revelada.

Espera-se que o Redmi K20 Pro e o K20 sejam alimentados pelo chipset Snapdragon 855. No entanto, um rumor dá conta que a versão standard pode apostar no processador Snapdragon 730. Isto para reduzir um pouco o preço.

Os dois deverão integrar um ecrã S-AMOLED Full HD+ de 6,39 polegadas sem monocelha. Dito isto, deverão integrar uma câmara pop-up. O sensor escolhido para esta câmara frontal deverá ter 20 megapixéis.

Já a parte traseira do smartphone deve apresentar uma configuração de câmara tripla. O sensor principal deve apostar nos 48 megapixéis. 

Ao nível das baterias ambas devem ter 4.000mAh com suporte para carregamento rápido de 27W. Algumas informações afirmam que o dispositivo pode chegar com suporte para o Android Q beta.

Fonte