Inicio Hardware Razer Book 13: Design brutal com foco na produtividade?

Razer Book 13: Design brutal com foco na produtividade?

A Razer é obviamente muito conhecida pelos seus periféricos Gaming, especialmente os teclados e ratos. No entanto, ao longo dos anos, esta empresa foi capaz de se reinventar uma série de vezes… Afinal de contas, comercializa smartphones, e até portáteis super poderosos!

Pois bem, agora foi a vez de apostar nos Razer Books, com o Razer Book 13! Um portátil pequeno e leve, que promete performance de topo para os jogadores/trabalhadores que precisam de uma máquina rápida para levar para qualquer lado. Assim, temos o ecrã de 13.4” com as margens mais pequenas do mercado, tudo potenciado com um processador Intel Core de 11ª geração.

Razer Book 13: Design com performance de topo e foco na produtividade?

Razer Book

Caso não saiba, a Razer já anda a brincar aos portáteis desde 2011, altura em que lançou o primeiro Razer Blade. E na verdade, desde aí que a coisa tem sido sempre a subir, tanto na qualidade de construção, como no design, e claro… A tão importante performance!

Entretanto, aqui encontramos uma máquina baseada no Intel Core i7-1165G7, um processador capaz de chegar aos 4.7GHz com o Intel Turbo Boost. Um CPU que além de performance, também tenta cumprir no campo da eficiência energética. Além disto, temos acesso à nova arquitetura gráfica Intel Xe, 16GB de RAM, Cooling Vapor Chamber, 512GB de armazenamento, etc…

O preço deste menino começa nos 1199$, mas ainda não é certo que chegue ao nosso mercado… (Já perguntei à marca!).

Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.


A Razer vai apostar nos componentes com novas motherboards!

Tudo indica que a Razer está finalmente pronta a ultrapassar a última barreira no mundo dos computadores… A comercialização de componentes! Afinal de contas, a empresa muito conhecida no segmento de produtos gaming vai agora entrar no mercado de motherboards AM4, numa parceria com a ASRock.

Ou seja, a Razer vai aproveitar o muito recente lançamento de processadores AMD Ryzen 5000, que ao que tudo indica, são mesmo mais poderosos que a oferta da Intel, para entrar em grande no mundo dos componentes para PC!

Entretanto, se esta ‘experiência’ correr bem, é muito provável que a marca faça uma aposta mais a sério nos próximos meses/anos. Por isso, não me admiraria nada de ver RAM Razer, Coolers Razer, etc…



Leia o resto do artigo aqui.

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Subscreva a newsletter Leak e tenha acesso diário aos principais destaques, ofertas e descontos nos parceiros Leak. Clique aqui

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.

Leia também

Bomba! Se comprou um Galaxy S20 FE temos excelentes notícias!

A Samsung está realmente a dar tudo! É que para além de lançar excelentes equipamentos, tanto ao nível dos topos de gama, como dos...

Surpresa! Já pode colocar uma câmara no seu Apple Watch!

O mundo está cheio de acessórios para os mais diversos fins. Uns são mais comuns. Outros são bastante interessantes. É neste grupo que coloco...

Sony SRS-LSR200 – Um altifalante prático que ajuda na audição da sua TV

Ao longo dos anos, a Sony já nos habituou à qualidade dos seus equipamentos. Afinal de contas, um equipamento áudio desta fabricante traz consigo...

Finalmente! Windows 10: problema no upgrade foi resolvido!

A Microsoft já está a disponibilizar uma atualização opcional que resolve um problema relacionado com os upgrades. O Windows 10 sempre ofereceu vários métodos...

Samsung: é o fim para alguns smartwatches em 2021! Veja a lista

Para muitos os smartwatches são companheiros inseparáveis. De facto são muito úteis e normalmente ficam com os utilizadores durante bastante tempo. Mudamos mais vezes...