realmente seguro

Numa demonstração que foi realizada na China, uma equipa de hackers que trabalham com a Tencent utilizaram um método pouco ortodoxo para desbloquear o smartphone de um estranho. Assim, a equipa conseguiu enganar o sensor de impressões digitais do smartphone através de uma impressão digital legítima retirada de um copo de água. Ou seja, começa a ser complicado mantermos o nosso smartphone realmente seguro.

Quer o seu smartphone realmente seguro? Compre umas luvas!

A equipa demonstrou este hack no palco durante um evento de hackers. Dito isto, este método foi utilizado para desbloquear três smartphones e duas máquinas de venda equipadas com sensores de impressão digital.

Galaxy S10
Galaxy S10+ lado a lado com o Galaxy Watch

O hack é bastante simples. Uma pessoa toca um copo com os dedos e o hacker usa um smartphone para fotografar a impressão digital deixada no vidro. Depois esta equipe de hackers desenvolveu uma app que pode digitalizar a fotografia e criar uma impressão digital clonada que vai ser reconheida pelo sensor biométrico do smartphone. Assim não custa nada desbloquear o dispositivo.

No entanto, a equipa não demonstrou a totalidade deste hack no palco. Infelizmente, não mostraram como é que a app é capaz de recriar os dados de impressão digital a partir de uma simples fotografia. Da mesma forma, também não demonstraram como conseguiram fazer uma cópia física da impressão digital para utilizarem no sensor.

Embora os métodos não tenham sido totalmente claros, os hackers afirmaram que foram capazes de usar esse método com sucesso nos três sensores de impressões digitais mais populares nos smartphones. Os capacitivos (um sensor físico, como o que fica na parte traseira do Google Pixel 3) , óptico (um sensor no ecrã como o do OnePlus 7T) e ultrassónico (um sensor especial no ecrã, como o usado na família Samsung Galaxy S10).

Lembramos que recentemente, os sensores ultrassónicos dos Galaxy S10 e Samsung Galaxy Note 10 estiveram nas notícias devido a uma forma de ataque diferente que pemitia a qualquer pessoa aceder ao smartphone.  Desde então, a Samsung lançou um patch para corrigir essa falha nesses dispositivos.

A equipe chinesa de hackers diz que está a desenvolver este sistema de “análise e recolha de impressões digitais” há meses. Dito isto, eles recomendam que limpe as suas impressões digitais de qualquer coisa em que tocar – incluindo do seu smartphone – para se manter totalmente seguro. Isso ou passe a usar sempre luvas em qualquer altura. Considerando que estamos a caminhar para o Inverno nem será uma má ideia.

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.