RAM

PCs instantâneos? Tivemos um grande avanço na memória RAM! – Apesar de existirem excelentes máquinas por esse mundo fora, com processadores de 16 núcleos, 32GB de RAM, placas gráficas capazes de um poder de computação fora de série, e SSDs capazes de chegar aos 5GB/s de velocidade de leitura… A verdade é que ainda não chegámos a um ponto em que um PC se liga instantaneamente!



Sim, se por acaso quiser ligar, reiniciar ou simplesmente recuperar a sua sessão no Windows 10, vai ter de esperar alguns segundos/minutos até ter tudo pronto e funcional. (Pode demorar uma autêntica eternidade, caso tenha um PC mais velhote)

Mas sabe o porquê de todo o tempo de espera? É tudo graças à extrema dependência na memória RAM!

AMD Ryzen

Portanto, apesar de termos autênticos super computadores nas nossas mãos, ainda temos muito que evoluir!

E a verdade, é que existe mesmo espaço para uma evolução séria… Afinal de contas, uma equipa de investigadores da Universidade de Lancaster acabou de criar um tipo de memória Não-Volátil que poderá mudar toda a experiência da computação.

Dêem as boas vindas à memória UK III-V!

Pois bem, memória não-volátil não é nada de novo no mundo dos computadores… O que realmente muda aqui é mesmo a sua velocidade. É que este tipo de memória não só é extremamente rápida (ao ponto de conseguir substituir a atual RAM). Como também consome uma fração da energia do velhinho standard.

Ok… Mas isto é importante porquê?

Primeiramente é preciso perceber que a memória DRAM (Dynamic Random Access Memory) é aquilo que mete nas ranhuras DIMM da sua motherboard, sendo vulgarmente conhecida como memória RAM. Dito isto, se tiver um PC Gaming, é provável que tenha pelo menos 16GB de memória cheia de RGB em cima.

PC, motherboard, RAM, memória

Entretanto, é preciso ter noção que a memória RAM é incrivelmente mais rápida que qualquer outro tipo de memória no mercado. Sim… Mesmo em comparação com o SSD de 5GB/s que mencionei em cima.

Contudo, toda esta performance tem um custo muito pesado! Assim que deixa de existir energia no circuito da memória, toda a informação é perdida.

É por isso que muitos utilizadores adoram o modo Sleep do Windows 10! Sendo possível deixar alguma corrente a passar nos módulos de RAM, num simples estado de ‘Low Power’, para que não se perca toda a informação.

Similarmente, também temos o modo de Hibernação, mas aqui temos uma transferência de todo o conteúdo da RAM para o Disco Rígido. O que equivale logo a alguma lentidão na leitura e escrita de toda a informação de um lado para o outro.



São duas alternativas dignas para evitar desligar o PC… Mas não são perfeitas! (Se por acaso já meteu o seu PC em modo Sleep, e depois não o conseguiu ‘acordar’ sabe do que estou a falar.

É isto que torna a memória UK III-V tão interessante! É que o facto de ser um tipo de memória não-volátil, faz com que a memória fique sempre armazenada. Ou seja, oferece a mesma velocidade da memória RAM, sem o seu maior defeito! Aliás, além de não termos a gigante desvantagem da tradicional memória RAM, também temos de salientar que o consumo de energia é mais ou menos 1% dos atuais módulos utilizados em todos os PCs Desktop e portáteis do mercado.

Em suma, os PCs do futuro podem realmente ficar instantâneos! Pelo menos no acto do boot, ou recuperação de sessões.


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Fonte

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.