A gama Motorola One tem tido muitas novidades este ano. Depois de ter apresentado ao mundo o One Vision, One Action e One Zoom eis que esta empresa que pertence à Lenovo tinha mais um dispositivo escondido e eventualmente não será o último de 2019. Falamos do Motorola One Macro. Um dispositivo com câmera tripla e um sensor macro dedicado.

Motorola One Macro oficializado por 140 Euros! Vale a pena?

Para falarmos sobre este dispositivo faz sentido abordar a configuração de câmera traseira, porque, afinal, é isso que dá o nome a este equipamento. Ora, temos uma câmera macro de 2 megapixéis totalmente nova que possui uma abertura f/2.2. De forma diferente da maioria dos sensores, ele é capaz de focar em objetos situados a apenas 2 cm (0,8 polegadas) de distância. Esse nível de proximidade também permite um bokeh natural sem a necessidade de processamento de imagem.

Motorola One Macro

Para além desta câmera, temos outro sensor de 13 megapixéis e abertura f/2.0, que também é capaz de gravar vídeo em 1080p a 60fps. Além disso, também captura vídeo em super câmera-lenta a 120 fps.

Entretanto, a configuração da câmera traseira fica completa com um sensor de profundidade de 2 megapixéis que é ativado automaticamente ao tirar fotos em modo retrato.

Afinal, quase todos gostamos do efeito bokeh. Entretanto e apesar de não haver nenhum sensor telefoto, o One Macro suporta zoom de alta resolução, que aparentemente melhora o zoom digital ao recolher dados a partir das três câmeras. Por fim, está equipado com um flash LED e um novo sistema de focagem automática a laser que melhora a velocidade e a precisão do foco automático.

Motorola One Macro

A Motorola lançou uma série de dispositivos este ano que apostam na monocelha. Aqui se inclui o Moto Z4 e o One Zoom, equipados com implementações em forma de U e a gama Moto G7 que aposta numa monocelha em forma de V.

No entanto, a abordagem deste equipamento é um pouco diferente. A monocelha em forma de V é significativamente mais ampla, mas também mais curta. Já o próprio ecrã está rodeado de molduras mais grossas. Neste campo, a moldura maior é a inferior que pode acomodar facilmente o logotipo da motorola e até um botão físico.

Motorola One Macro

Olhando para números, o One Macro está equipado com um painel LCD de 6,2 polegadas que apresenta uma proporção de 19:9. Tem ainda uma resolução de 1520 x 720 pixéis.

Entretanto e para não aumentar custos, a Motorola optou por implementar um chipset MediaTek em vez das escolhas habituais da Qualcomm ou Samsung.

Este dispositivo vem com o chipset Helio P70, que até acaba por ser um pouco mais rápido que o Snapdragon 660. O modelo anunciado hoje também possui 4 GB de RAM e 64 GB de armazenamento interno. No entanto, para quem quer mais, até suporta cartões microSD de até 512 GB são suportados.

Ao nível das especificações temos ainda uma bateria de 4.000 mAh que pode ser carregada com o carregador de 10W incluído na caixa. A Motorola diz que a autonomia ronda as 48 horas. Com um preço de 140 Euros, o lançamento global começa na quinta-feira, 24 de outubro. Este dispositivo deverá ser vendido na Europa e na América Latina, embora possa chegar também aos Estados Unidos.