Lâmpadas de halogéneo proibidas em Portugal a partir de 1 de setembro!

1 de setembro de 2018 assinala uma mudança significativa para os lares portugueses com a transição a nível europeu para a iluminação LED, energeticamente mais eficiente como a fase que se segue à proibição das lâmpadas de halogéneo.

Continuando o processo de descontinuação dos focos de halogéneo (ou GU10) implementado em 2016, a fase seguinte incluirá a proibição das lâmpadas de halogéneo não direcionais! Incluindo as lâmpadas convencionais em forma de pera ou vela.

Qual é o motivo para a proibição das lâmpadas de halogéneo?

Lâmpadas
Eficiência -> Lúmens por hora

É muito simples. O facto de serem extremamente ineficientes na utilização da eletricidade!

Em suma, as lâmpadas de halogéneo utilizam 10 vezes mais quantidade de energia do que as lâmpadas LED. Por isso, a proibição da União Europeia faz parte do compromisso de reduzir as emissões de CO2.

Por exemplo, as lâmpadas LED da Philips, duram até 15 vezes mais e utilizam até 80% menos de energia em comparação com as suas homólogas de halogéneo.

Dito isto, as lâmpadas de halogéneo são utilizadas em 22,4% dos lares portugueses e em termos médios correspondem a uma utilização de 7,6 lâmpadas por alojamento.


Se quer ser ainda mais amigo do ambiente, leia as nossas dicas:

  • As 6 dicas para ser mais ecológico! O Ambiente agradece! – Clique aqui!

A propósito dos futuros regulamentos que afetam as lâmpadas de halogéneo, Silvia Fernández, Diretora para a área de habitação da Signify em Portugal e Espanha afirmou:

“A proibição gradual das lâmpadas de halogéneo demonstra o compromisso de toda a Europa com a poupança energética! Além do esforço para a redução da nossa pegada de carbono.

“A mudança para a iluminação LED não só representa uma oportunidade para os agregados familiares beneficiarem de contas de luz mais baixas. Em paralelo, apresenta aos consumidores uma ampla gama de opções de cor, qualidade e design.”


Em paralelo, as lâmpadas de luz LED têm uma vida útil média de 15 anos! O que as torna simultaneamente boas para o planeta e para os nossos bolsos!

Além disto, os desenvolvimentos técnicos permitem atualmente uma vasta gama de opções no que toca à iluminação LED! Oferecendo uma grande variedade de designs e temperaturas de cor para personalizar qualquer casa.

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.

Mais deste autor

Relacionadas

Publicidadespot_img

Últimos artigos

IKEA transforma secretárias num carregador sem fios

Se quer transformar a sua secretária num carregador sem fios então o IKEA tem exatamente o que precisa. O último produto pode ser adicionado...

NVIDIA RTX 40 – 5nm, 80 TFLOPs, memória GDDR6X, etc…

A NVIDIA já está a preparar a sua nova gama de placas gráficas, com tudo já calendarizado para um lançamento na segunda metade de...

Intel apostou nos 6nm da TSMC para a suas placas gráficas

Como deve saber, a Intel está prestes a fazer uma forte aposta no mundo das placas gráficas. Curiosamente, numa altura bastante interessante, visto que...

Não perca nenhuma informação de última hora!

Registe-ne na Newsletter Leak e receba diariamente todas as informações no seu email!