Já temos IA envolvida na previsão do preço da Bitcoin!

A inteligência artificial (IA) é a tecnologia do momento, isto porque em diversas áreas, como na medicina, no desporto, na fotografia, entre muitas outras, já temos várias aplicações deste recurso de forma a alcançar melhores resultados.

Aliás, caso não saiba, muitas das previsões referentes à situação pandémica que vivemos, nomeadamente da propagação do vírus, têm como base algoritmos de IA. Mas vamos ao que interessa… O objetivo deste artigo é deixar a ideia que este tipo de tecnologia pode ser aplicada em quase todo o lado, e claro, os famosos mercados financeiros não são exceção.

Na área dos mercados financeiros, os resultados na previsão das flutuações de preços têm sido satisfatórios!

No entanto, como deve imaginar, existem muitos desafios que são impostos ao algoritmo de Deep Learning (DL), mas vamos por partes, focando a nossa atenção no tema ‘Financeiro’.

Especialmente no mundo das criptomoedas, que atualmente é capaz de chamar muitos utilizadores menos conhecedores, com a promessa de riqueza fácil. Por isso mesmo, o número de investidores tem vindo a aumentar a um ritmo alucinante.

- Advertisement -

Mas atenção, este é um mercado impróprio para cardíacos, devido às grandes quedas e subidas do valor dos ativos, como é o caso da Bitcoin!

Em poucas palavras, as dificuldades ligadas à previsão do preço da bitcoin, e das criptomoedas em geral, está relacionada com dois fatores importantes. Estamos a falar da falta de dados, mas também do poder computacional que este tipo de algoritmos necessita.

Bitcoin

Portanto, primeiramente, a falta de dados referentes a estes ativos está assente no facto de ser ainda um mercado recente. Isto porque ao contrário do mercado de ações, que já existe há quase 100 anos, o mercado das moedas digitais existe há menos de 10! E na verdade, apenas nos últimos 2/3 anos evolui para o nível que hoje conhecemos.

Assim sendo, é fácil perceber que existe uma grande diferença na quantidade de dados disponível entre estes dois mercados!

Assim, tirando isto do caminho, o que é preciso reter é a necessidade de dados, e também de potência computacional. O primeiro é algo que não podemos controlar, e que depende do tempo. Já o segundo, implica um grande investimento, pois o poder computacional em larga escala continua bastante caro.

Dito isto, como deve saber, as moedas digitais sofreram uma grande baixa de valor nas últimas semanas. Isto depois de algumas decisões de grandes empresas como a Tesla, mas também alguma regulamentação imposta pela China. Algo que resultou num maior interesse no campo da investigação, de forma a perceber afinal que fatores são essenciais para a valorização ou desvalorização deste tipo de moedas virtuais.

Assim, temos agora várias investigações, tendo como base os padrões associados à evolução destas moedas. Todos eles utilizando métodos IA, com o intuito de prever eventuais subidas ou descidas.

Mais concretamente, uma equipa de investigadores fez um estudo, onde foram comparados diferentes métodos de DL para prever a flutuação do valor destas moedas. Isto, claro está, com o grande objetivo de prevenir perdas futuras. Em suma, foram testados métodos de regressão e métodos de classificação.

Assim, o método de regressão tem como grande objetivo prever o preço real destas moedas no futuro. Por exemplo, que a Bitcoin vai valer 100 mil euros em 2029. Em paralelo, o método de classificação, tem como grande objetivo, prever o valor destes ativos vai descer ou subir, sem quantificar.

Em suma, apesar de os resultados do estudo serem no mínimo curiosos… A verdade é que a ideia de utilizar algoritmos de IA para negociar nos mercados de criptomoedas é ainda um ‘sonho’! Ou seja, pode estar a alguns anos de distância, consoante a evolução das redes neurais.

Além disto, tenha em conta que este estudo não teve em consideração outros fatores importantes, que aparentemente têm cada vez peso na valorização destes ativos. Como é o caso das notícias que influenciam de forma direta os investimentos, além de fatores como índices de mercado, taxas de câmbio, entre outros…

Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião em baixo.

Fonte

Entretanto clique aqui para seguir a Leak no Google Notícias e ficar a par de todas as informações mais importantes. Pode também subscrever aqui a nossa Newsletter e receber as notícias no seu e-mail.

mm
João Sousa
Desde cedo sempre procurei estar a par das novidades tecnológicas acabando por seguir carreira na vertente das tecnologias. Conhecer o estado da arte atual nas diferentes tecnologias preenchem os meus dias pois gosto de estar sempre na vanguarda do conhecimento.

Especiais

Subscreva a Newsletter Leak

Não perca nenhuma informação importante! Subscreva a newsletter Leak e receba todas as notícias, destaques e outras informações importantes no seu e-mail.