Huawei Mate

Apesar do mundo da tecnologia estar a sofrer com uma Huawei significativamente mais fraca, e claro está, os consumidores estarem no fundo também a perder aparelhos como o Mate 30 Pro, um smartphone que iria com toda a certeza ter uma impacto sério no mercado Android…



Parece que as coisas entre a gigante Chinesa e o governo Norte Americano ainda não têm uma aparente resolução num futuro próximo!

Afinal de contas, a Huawei acabou de organizar um evento em Londres, onde prometeu um valor de 23,4 milhões de euros para os programadores britânicos e irlandeses que queiram desenvolver apps para a sua plataforma virtual de aplicações Android, a ainda muito pouco conhecida Huawei App Gallery.

Huawei + Google? Infelizmente, a separação é para continuar…

Huawei

Portanto, a aposta na sua própria plataforma virtual surge depois da Huawei ter sido proibida de usar os serviços da Google, bem como todas as suas aplicações, onde claro está… Temos de incluir a Google Play Store, a plataforma de aplicações mais conhecida do mundo Android.

Assim, com os utilizadores de novos smartphones da Huawei impossibilitados de aceder aquela que é o basicamente o ‘standard’ de qualquer aparelho baseado no Sistema Operativo Google Android, a Huawei decidiu assim apostar no desenvolvimento de apps para os seus próprios serviços.

Vamos ver uma Huawei mais forte a médio/longo prazo? Ou será que a proibição vai ‘matar’ completamente a empresa em solo Europeu?

Apesar de todos os pontos negativos da proibição em cima da Huawei, a verdade é que a empresa também tem muito a ganhar, caso consiga meter em cima da mesa uma alternativa viável ao cada vez mais óbvio domínio da gigante da pesquisa Google.

Dito isto, a Huawei fez saber que pretende aproveitar esta oportunidade para construir um ecossistema mais forte e com menos “spam”. As palavras foram do próprio Vice-Presidente de Serviços de Consumo da Huawei na Europa (Jamie Gonzalo), ora leia:

  • “É uma coisa muito boa na perspetiva da privacidade e segurança. Visto que os anúncios não são importantes para nós, como são para a Google.”

Em suma, não será uma estrada fácil de percorrer para a Huawei. Mas se há coisa que senti durante a análise do Huawei Mate 30 Pro… É que a empresa continua a ter produtos simplesmente espectaculares, com ou sem Google!

Por isso, é possível que as coisas possam mesmo resultar para a empresa, desde que exista um esforço sério no ‘port’ das aplicações mais populares do mundo Android.


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.