Há mais fabricantes a mudar as ‘specs’ dos seus SSDs sem avisar

Há mais fabricantes a mudar as ‘specs’ dos seus SSDs! – Quando um produto é anunciado e posteriormente lançado, é de esperar que as suas especificações sejam as mesmas, ou pelo menos muito similares, ao longo de todo seu ciclo de vida. No entanto, isto nem sempre acontece, e no mundo dos SSDs, parece ser cada vez mais moda.

Porquê? Bem, algumas desculpas têm lógica, especialmente nesta altura de COVID e de escassez de componentes essenciais. Afinal de contas, algumas fabricantes têm a necessidade de trocar alguns componentes, porque estes simplesmente deixaram de existir no mercado. No entanto, outras fabricantes aproveitam estas situações para tentar aumentar as suas margens de lucro, ou seja, utilizar componentes de qualidade mais baixa, mais baratos, que vão oferecer menos performance ao utilizador final.

Isto até seria mais ou menos aceitável, caso a fabricante anunciasse estas modificações… Mas não! Por vezes, os consumidores estão mesmo a comprar gato por lebre, e isso simplesmente não se faz.

Há mais fabricantes a mudar as ‘specs’ dos seus SSDs sem avisar

ssds sem

Portanto, a Patriot parece ter ido pelo caminho da ADATA, ao mudar componentes de pelo menos uma das suas gamas de SSDs, isto sem avisar o mercado que o iria fazer. Neste caso específico, estamos a falar do Patriot VPN100 SSD com 2 TB de capacidade de armazenamento.

O que aconteceu afinal?

Pois bem, um utilizador do Reddit comprou este SSD, e ficou surpreso por não encontrar dentro da caixa, o que realmente tinha pago. Ou seja, na documentação da Patriot, podemos encontrar listados o controlador Phison E12, bem como 2GB de cache DRAM. No entanto, no SSD propriamente dito, o consumidor encontrou um controlador Phison E12S, e… Apenas 512 MB de cache… 1/4 daquilo que é prometido pela marca.

Este é apenas mais um exemplo daquilo que as fabricantes andam a fazer no mercado de SSDs. Como disse em cima, não existe problema nenhum em trocar componentes, devido às dificuldades inerentes da indústria. Mas baixar as especificações, e vender o mesmo produto ‘capado’, como se fosse o original? Isso não se faz. A situação fica ainda pior quando a Patriot vem a público tentar justificar a situação ao dizer que não pode estar sempre a atualizar as páginas dos produtos… É assim tão difícil mudar o nome do controlador, e meter os 512 MB de cache em vez da mentira que são os 2GB?

Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Já foi ‘enganado’ por alguma fabricantes? Partilhe connosco a sua experiência nos comentários em baixo.

Fonte

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.

Mais deste autor

Relacionadas

Publicidadespot_img

Últimos artigos

Galaxy S22: o grande upgrade nas câmaras não vai acontecer!

Já há vários meses que têm surgido na Internet rumores sobre o Galaxy S22 e isto não é uma surpresa. As pessoas querem sempre...

Semana brutal na Netflix! Viu os projetos que vão chegar?

De semana a semana, vamos recebendo novos projetos verdadeiramente brutais. Sendo que tal como na semana passada, também nesta teremos direito não só a...

Gmail para Android: não utilize mais sem fazer estas alterações!

O Gmail é sem dúvida das melhores plataformas de email. É fiável, tem uma grande capacidade de armazenamento e raramente falha. É por isso...

Não perca nenhuma informação de última hora!

Registe-ne na Newsletter Leak e receba diariamente todas as informações no seu email!