Facebook Marketplace: faça isto para não cair em burlas!

O Facebook Marketplace tem mais de 250 milhões de lojas e mais de mil milhões de compras por mês. É um local de eleição para os compradores comprarem e venderem bens. Encontrará tudo, desde smartphones e mobiliário a produtos de beleza e jogos. É um mercado online movimentado e de fácil acesso. Isto significa que também é um íman para os burlões. Se já utilizou o Facebook Marketplace, já viu mensagens de burla. Para que não caia nestes esquemas vamos dizer-lhe como estar mais protegido.

Facebook Marketplace: faça isto para não cair em burlas!

Porque é que as burlas do Facebook Marketplace acontecem?

O Facebook Marketplace permite a qualquer pessoa com uma conta do Facebook comprar, vender ou trocar bens. Uma vez que o Facebook não verifica os vendedores, os burlões podem fazer-se passar por outra pessoa e levar os clientes a comprar artigos falsos ou com defeito. Ao contrário da Amazon, o Facebook Marketplace faz a ponte entre compradores e vendedores e liga-os através do Messenger. Isto torna os compradores e vendedores vulneráveis e expõe-nos aos burlões.

- Publicidade -

Facebook Marketplace: faça isto para não cair em burlas!

As burlas do Facebook Marketplace podem parecer convincentes. Mas quando se apercebe dos sinais de alerta, é fácil ligar os pontos e detetar os burlões na plataforma.

Verifique o perfil do vendedor

Verifique a página de informações do vendedor antes de lhe enviar uma mensagem. Se não vir uma fotografia de perfil, uma faixa de imagem ou anúncios anteriores no Marketplace, o vendedor é provavelmente falso e está a tentar enganá-lo na plataforma.

facebook

Preço baixo para um artigo caro

Um vendedor promete-lhe um novo telemóvel Android topo de gama por 200 Euros? Não se deixe enganar por artigos de preço elevado com uma etiqueta de preço baixo. Alguns vendedores utilizam um preço baixo para chamar a sua atenção e depois tentam vender outro artigo caro ou o mesmo artigo a um preço mais elevado.

Os vendedores pedem-lhe para pagar noutra plataforma

Utilize apenas métodos de pagamento fiáveis, como o PayPal ou o Facebook Checkout, para concluir a compra. Assim estes métodos estão protegidos pela proteção de compras e receberá um reembolso se não receber o produto. Se um vendedor insistir em receber pagamentos através do Venmo, CashApp ou criptomoedas, é um sinal de alerta. Entretanto alguns vendedores prometem-lhe um desconto por utilizar outra plataforma de pagamento. Não caia nestas armadilhas.

Facebook Marketplace: faça isto para não cair em burlas!

Os compradores ou vendedores pedem para utilizar outra plataforma para as conversações

Tanto os compradores como os vendedores devem limitar-se ao Facebook Marketplace para comunicar. Se um vendedor lhe pedir para mudar para outra aplicação de mensagens, como o Telegram ou o Signal, recuse e evite o burlão.

Os vendedores recusam-se a encontrar-se pessoalmente

Encontrar-se pessoalmente com o vendedor permite-lhe examinar o produto antes de efetuar o pagamento. Se o vendedor residir na mesma zona ou cidade e recusar encontrar-se consigo para verificar o artigo, evite esses anúncios no Marketplace.

Mesmo quando se encontrar pessoalmente com o vendedor, marque o encontro num local público durante o dia. Assim recomendamos que leve um amigo ou um especialista para verificar o produto.

Os vendedores pedem-lhe um pequeno pagamento adiantado

O vendedor pode pedir-lhe que faça um pequeno pagamento adiantado para ficar com o produto. Assim é provável que a pessoa peça a outros compradores que façam o mesmo para o mesmo produto. Se alugar uma casa ou um carro, podem pedir-lhe que pague um depósito adiantado para confirmar a compra. Evite esses vendedores, mas, se optar por avançar, utilize o método de pagamento oficial do Facebook Pay.

Um comprador paga demasiado a um vendedor

Os vendedores são burlados por ladrões e criminosos que se fazem passar por compradores no Facebook Marketplace. Assim quando coloca um produto na lista do Facebook Marketplace, um potencial comprador mostra interesse e envia um montante superior ao preço pedido.

O burlão utiliza cheques falsos, cartões de crédito roubados ou fundos falsificados para enviar o dinheiro. O comprador admite o erro e pede-lhe que envie o montante restante como reembolso. Quando o cartão de crédito ou de débito é dado como roubado às autoridades, o pagamento na sua conta é estornado, deixando-o sem nada.

Os compradores pedem-lhe para enviar o produto antes do pagamento

Se é vendedor, evite compradores que lhe peçam para enviar o produto antes de efetuar o pagamento. Entretanto esses burlões podem convencê-lo de que precisam de verificar o produto e o seu estado de funcionamento antes de enviar o pagamento. Desaparecem depois de receberem a encomenda num local abandonado.

O que fazer se for vítima de uma burla no Facebook Marketplace

O Facebook está ciente do aumento das burlas no Marketplace. Assim esta rede criou uma política de proteção de compras para o ajudar a obter um reembolso. Abrange os seguintes cenários:

  • Não recebeu o artigo.
  • O produto está danificado ou é significativamente diferente da descrição.
  • O vendedor não seguiu a política de reembolso do Facebook.
  • Também pode denunciar estes vendedores ao Facebook.

Entretanto aceda à página de listagem do produto no Facebook Marketplace. Passe o cursor sobre a imagem de perfil do vendedor. Seleccione Denunciar. Escolha um motivo para denunciar o vendedor.

Entretanto clique aqui para seguir a Leak no Google Notícias e ficar a par de todas as informações mais importantes. Pode também subscrever aqui a nossa Newsletter e receber as notícias no seu e-mail.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Especiais

Subscreva a Newsletter Leak

Não perca nenhuma informação importante! Subscreva a newsletter Leak e receba todas as notícias, destaques e outras informações importantes no seu e-mail.