(Especial) Qual é o impacto da Apple no mundo dos processadores?

O impacto total da decisão da Apple ainda não está aparente! Ainda vai acontecer muita coisa, o que claro está, vai fazer com que a AMD e a Intel ainda tremam um bom bocado.



(Especial) Qual é o impacto da Apple no mundo dos processadores?

apple, m1

Portanto, antes de mais nada, a Apple não produz processadores “tradicionais” como a AMD ou a Intel, produz SoCs (System on a Chip), que como o nome indica, consistem num sistema completo num só chip.

Dito tudo isto, na altura do divórcio com a Intel, a Apple prometeu uma família de processadores completa para a sua gama de computadores Mac. Ou seja, o Apple M1 é apenas o primeiro processador de uma gama gigantesca, que apesar da sua performance extraordinária e autonomia de bateria sem rival, é uma alternativa de gama baixa, pensada para dar vida aos portáteis mais baratos como o MacBook Air ou MacBook Pro de 13”.

Qual é (ou vai ser) o impacto desta decisão para a indústria?

A indústria está em silêncio, mas está atenta ao sucesso do M1 da Apple. Aliás, o poder do novo processador ARM da gigante Norte-Americana nem é grande novidade para o mercado tech, visto que os SoCs ARM que têm dado vida aos iPhones, iPads já andam a rivalizar com as ofertas da Intel e AMD há vários anos.

Ainda assim, parece que muitos especialistas não esperavam uma passagem para o mundo dos computadores tão rápida e tão poderosa. Visto que muitos pensavam que os workloads do mundo desktop iriam ser demasiado pesados para o simples chip ARM… Pois bem, estavam errados! Mesmo em modo de compatibilidade, o M1 está a impressionar, e claro, a coisa poderá ficar ainda mais interessante quando o M1X chegar daqui a alguns meses.

Curiosamente, com a aposta da Apple, várias gigantes começaram a olhar para o ARM com outros olhos!

Neste grupo podemos salientar a Microsoft, mas também a AMD, que aparentemente, além dos seus esforços no mundo X86, também está a brincar um bocadinho com a arquitetura ARM. Além destas duas gigantes, temos ainda a Qualcomm pronta a apostar a sério no mundo dos computadores com os seus SoCs Qualcomm Snapdragon.

Conclusão

O impacto da recente estratégia da Apple ainda não teve nem metade do seu potencial impacto na indústria tecnológica. Assim, muito resumidamente, é inegável que a Apple tem a vantagem do seu lado… Contudo, se está à espera que as rivais da empresa deixem a maçã trincada fugir sem qualquer concorrência, está muito enganado.

O ‘all-in’ da Apple tem o potencial para mudar a indústria de uma forma muito significativa. Com os primeiros efeitos a serem sentidos já em 2021. Algo que deverá resultar em aparelhos mais rápidos, e menos sedentos de energia para todos nós.


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.

Mais deste autor

Relacionadas

Publicidadespot_img

Últimos artigos

Google TV vai dar canais premium de borla mas há um requisito!

O Google TV está realmente fantástico. Tem uma interface bem conseguida e que nos dá um rápido acesso a tudo aquilo que procuramos. No...

Google Maps: atenção navegação por voz parece assombrada!

O Google Maps é sem dúvida uma excelente aplicação de navegação. Funciona muito bem e vai ficar ainda melhor graças a muitas novidades que...

Samsung “apanhada” nos SSDs? Resposta? Baixa de preços!

Com a disseminação do armazenamento PCIe 4.0, na forma de muitos (e bons) SSDs NVMe, os antigos mas ainda muito rápidos e fiáveis SSDs...

Não perca nenhuma informação de última hora!

Registe-ne na Newsletter Leak e receba diariamente todas as informações no seu email!