Antigamente, quando me punha a pensar nos portáteis Gaming do nosso mercado, ou seja, numa máquina desenhada apenas e só para longas sessões de jogo… Pensava logo em gastar no mínimo 4 dígitos para ficar descansado.

Contudo, temos de dizer que as coisas mudaram e muito nos últimos tempos! Afinal de contas, se eu lhe disser que por 499€ consegue um portátil capaz de jogar tudo, acreditaria em mim?

Se calhar é boa ideia olhar para o portátil Asus TUF 15.6″ FX505DY, que no Black Friday está disponível por apenas 499€ na GlobalData, oferecendo especificações incríveis para o preço! (Clique Aqui)


  • (Atualização) o equipamento já está esgotado na GlobalData, mas terá outras opções incríveis por lá durante a Black Friday, clique aqui. 

Assim, temos aqui uma excelente oferta equipada com o super capaz Ryzen 5 3550H, bem como a gráfica AMD RX560X. Dito isto, se for fã da Intel não tenha medo, este equipamento comparado à oferta concorrente consegue ficar a par e até ultrapassar no desempenho, a uma combinação equivalente como o Intel i5 8300H e a GTX 1050.



Assim sendo, estamos a falar aqui de um equipamento que é capaz de oferecer um desempenho decente na maioria dos jogos atuais em qualidade Média/Alta. 

 

Em suma, hoje em dia, por um valor relativamente baixo é possível adquirir um equipamento mesmo muito capaz. Algo, que há alguns uns anos atrás seria impensável… Mas vamos perceber o que afinal mudou no mercado.

1º A concorrência

A concorrência neste mercado é realmente avassaladora, com a AMD cada vez melhor, continuando a apostar nos baixos preços. Afinal de contas, preço por preço, a AMD já consegue ficar à frente das ofertas da Intel e Nvidia, algo simplesmente incrível e impensável em 2017.

Dito isto, falo em portáteis mas o mesmo também está a acontecer nas grandes máquinas Desktop.

2º Avanço da Tecnologia

A tecnologia está sempre a avançar, no entanto os saltos de performance a cada ano estão a ser cada vez menores. Especialmente quando falamos no mercado de portáteis, em que um exemplo perfeito disto mesmo, é a comparação entre a Nvidia MX150 vs a recente MX250. (Que até poderá oferecer menos performance relativamente ao anterior modelo, devido ao aumento da eficiência energética.)

3º Qualidade de construção

Pode parecer estranho, mas os portáteis antigos eram normalmente feitos com materiais muito mais duráveis. No entanto, tendiam a ser muito mais pesados, e devido a isso também eram um pouco mais caros.



4º Capacidade de Atualização

Um portátil normalmente já tem uma capacidade fraca para upgrades. Contudo, a verdade é que mesmo tendo em conta essa limitação, os equipamentos do passado estavam construídos com alguns componentes que poderiam ser facilmente substituídos.

Algo que infelizmente não acontece nos dias que correm, com as fabricantes a optar por soldar tudo à motherboard. O que lá está, impossibilita o aumento da memória RAM, troca de CPU, ou até troca de um SSD por outro com mais capacidade. (Algo que começou com a Apple, mas que agora é regra geral)

portátil gaming

Conclusão

Em suma, hoje em dia não necessita de gastar valores exorbitantes para obter um bom Portátil Gaming.


(Especial) O que consegue num Portátil Gaming por ‘apenas’ 499€?! Ademais, qual a sua opinião sobre isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.
Silvio José
Sempre gostei de tecnologia, e em tenra idade já sonhava em construir a minha Dream Machine. Alcançado esse sonho agora o objetivo é aprender mais e mais. A minha paixão em todo o tipo de tecnologia faz-me estar sempre alerta a todas as novidades.