Dificuldades de produção da Intel vão continuar em 2019

Já falámos aqui várias vezes acerca das dificuldades que a Intel está a ter nas suas linhas de produção! Afinal de contas, a gigante dos semi-condutores não está a conseguir dar vazão à toda a procura dos seus produtos de 14nm.

Um pouco graças ao falhanço que tem sido o salto para os 10nm, que teimam em não chegar ao mercado… Isto, numa altura em que a AMD já se prepara para lançar os primeiros processadores de 7nm para o mercado de consumo.



Pois bem, estes problemas causaram uma severa subida nos preços dos processadores como o popular Intel Core i7-8700K, que foi lançado com o ‘simpático’ preço de ~360€, e que agora é apenas encontrada à volta dos 430€!

E quer acredite quer não, 430€ não é nada mau, em comparação com o que podíamos encontrar no mês passado.

Dificuldades de produção

Infelizmente, parece que as dificuldades de produção e de stock da Intel poderão continuar nos próximos meses… Aliás, o CEO da Asustek Computer, Jerry Shen, explicou que os problemas irão continuar pelo menos até ao segundo trimestre de 2019, mencionando:

“Os problemas de produção da Intel, a guerra comercial entra os Estados Unidos e a China. Bem como o aumento de concorrência no segmento de portáteis na Europa. Estão a pressionar a visibilidade operacional da Asustek, no quarto trimestre de 2018.”

É preciso mencionar que a Intel tem tentado resolver os problemas… Mas a sua prioridade é a produção de processador Xeon em primeiro lugar, e a família Intel Core em segundo lugar.

Que são afinal de contas, os produtos com maiores margens de lucro! Contudo, os processadores de gama baixa, estão a sofrer imenso com tudo isto.


Que pensa sobre isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo!

Fonte

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também

Deixe um comentário