AMD vs NVIDIA

A AMD está a fazer imenso sucesso no mercado de processadores, no entanto, ainda não conseguiu levar esta ‘magia’ para a rivalidade que tem com a NVIDIA. Ao fim ao cabo, apesar das Navi terem sido uma lufada de ar fresco no mercado de gama média/alta, a NVIDIA ainda domina quase todas as gamas, especialmente a gama super alta onde encontramos a ‘velhinha’ RTX 2080 Ti.

Mas isto pode estar prestes a mudar… Afinal, foram descobertas algumas linhas de código bastante interessantes nas novas drivers de vídeo Linux, que mencionam a existência de um GPU Navi 23, que por sua vez é ‘alegadamente’ conhecido como NVIDIA Killer.

AMD Navi 23 “NVIDIA Killer” chega já no próximo ano com Ray Tracing

AMD Radeon Navi

Portanto, esta placa gráfica já tinha dado um ar de sua graça no mundo dos rumores e ‘leaks’ no passado mês de Agosto. Mas apenas agora foi confirmada, graças ao ‘leak’ das drivers Linux, que curiosamente são quase sempre uma excelente fonte de informação. (Fidedigna)

Ou seja, graças a estas drivers, sabemos que o GPU Navi 23 é um dos três chips que a AMD está a desenvolver sob o processo de 7nm+ da TSMC, utilizando a arquitetura RDNA2, que deverá deixar para trás todos os resquícios da antiga arquitetura GNC. (A primeira geração RDNA, ainda é uma espécie de misto RDNA + GCN)

A segunda geração de placas gráficas RDNA irá trazer o Ray Tracing para cima da mesa!

Tendo como base várias patentes, bem como vários rumores, a segunda geração da arquitetura Radeon DNA (RDNA), irá trazer o tão desejado suporte ao Ray Tracing por hardware. O que em boa verdade, nem é grande novidade… Ao fim ao cabo, a PS5 e Xbox Scarlett vão utilizar placas gráficas Navi, e já foi confirmado que vão ter suporte a Ray Tracing.



Contudo, o que é realmente interessante, é que esta Navi 23 é tratada internamente como a placa “NVIDIA Killer”. Ou seja, este GPU deverá ser a grande aposta da AMD para voltar a dar cartas nas gamas mais altas do mercado, onde as RTX 2080 Super e 2080 Ti domina sem rival.

As empresas não costumam tratar produtos como ‘Rival Killer’ ou que quer que seja… Afinal de contas, se a aposta falha, é aberta a porta para um autêntico mundo de gozo tanto pelas rivais como pelos consumidores. Especialmente quando temos em conta que a NVIDIA já está a preparar novas placas gráficas baseadas na arquitetura Ampere de 7nm, que deverá trazer um salto de desempenho bastante significativo. (No entanto, apenas deverão chegar no fim de 2020, ou início de 2021)



Em suma, se a NVIDIA não conseguir lançar nada de especial em 2020, é provável que a AMD aproveite o timing e lance novas placas para tentar roubar quota de mercado à rival.

Estas são algumas das novidades esperadas na nova arquitetura:

  • Variable rate shading (VRS)
  • Computação ‘Mista’ mais eficiente
  • Cache mais rápida e mais inteligente
  • Aumento de performance na computação (IPC)
  • Aumento considerável nas frequências no GPU e memória

Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Fonte

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.