Inicio Android Xiaomi lança finalmente a gaveta de aplicações no MIUI

Xiaomi lança finalmente a gaveta de aplicações no MIUI

O MIUI da Xiaomi é uma das mais interfaces mais populares que existem no sistema operativo Android. Claro que o facto de vir pré-instalada na maioria dos smartphones da Xiaomi contribui muito para isto. No entanto, como a maioria das outras interfaces chinesas, ela não possui a gaveta de aplicações que foi popularizada por muitos fabricantes.

Xiaomi lança finalmente a gaveta de aplicações no MIUI

No entanto, nem sempre é assim. Quando a Xiaomi lançou a marca Poco e o smartphone Poco F1, a empresa também anunciou o Poco Launcher, que surpreendentemente possui uma gaveta de aplicações. Isto foi, sem dúvida, uma boa notícia para muitos utilizadores!

no MIUI

Agora, parece que a Xiaomi está finalmente pronta para introduzir esta gaveta no próprio MIUI. Aliás, na versão alpha mais recente do launcher MIUI, que tem o número de código 4.10.6.1025-06141703, ela já se encontra disponível.

No entanto, as imagens mostram que, em vez do novo gesto de deslizar para abrir a gaveta de aplicações, a empresa adotou a técnica mais antiga. Dito isto, o utilizador terá de tocar no botão do meio na barra de aplicações que se encontra na parte inferior do ecrã inicial.

no MIUI

Na gaveta de aplicações, as apps instaladas estão listadas por ordem alfabética. No topo da lista, está ainda uma chamada de atenção para as apps utilizadas ​​recentemente. Destaca-se também uma seta virada para baixo na parte superior, onde, quando se toca, recolhe a gaveta das apps. Importa destacar que o gesto de deslizar para baixo para fechar a gaveta não funciona. Disto isto, pode usar o botão Voltar ou a seta para baixo.

Juntamente com a gaveta de aplicações, a versão alfa do MIUI também recebeu suporte para os atalhos que levam às apps. São conjuntos de ações rápidas que aparecem quando o ícone da aplicação é pressionada durante muito tempo. Esta funcionalidade foi introduzida pela primeira vez com o Android 7.0 Nougat.

no MIUI

Quem não quiser esperar e pretender descarregar, desde já, esta compilação alfa num dispositivo compatível poderá recorrer a esta ligação.

Você pode ir para o link de origem para instalar esta compilação alfa do lançador MIUI em seu dispositivo compatível. No entanto, recomendamos não fazer isso, pois pode não ser muito estável ou pode falhar durante o uso. Enquanto o Poco Launcher está disponível para todos os dispositivos, este é limitado ao dispositivo rodando MIUI.

Fonte Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Quer receber notificações gratuitas no seu smartphone ou computador sempre que lançamos um novo artigo? Clique aqui.

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Leia também

AMD Radeon RX 6900 XT: a derradeira arma contra a Nvidia!

A AMD Radeon RX 6900 XT foi oficialmente anunciada. Na prática representa a maior arma da AMD contra a rival Nvidia e uma bela...

Galaxy Watch Active 2 recebe mais uma prenda do Galaxy Watch 3

A Samsung lançou um novo update para o Galaxy Watch Active 2 e o aspeto interessante é que chega com mais uma funcionalidade do...

O iPhone 12 tem carregamento inverso… Mas é só para a Apple!

Ao que tudo indica, os novos iPhone 12 têm mesmo a capacidade de carregar outros aparelhos sem fios. Informações que chegam agora à Internet...

GMC Hummer EV chega com 1000 cavalos elétricos de potência!

A Hummer é sem sombra de dúvida uma das fabricantes mais conhecidas por criar imponentes veículos capazes de enfrentar todo o tipo de terrenos....

Os consumidores voltaram a confiar na Nokia! E agora?

A Nokia não é obviamente a mesma marca que dominou os anos 90 e o início dos anos 2000. Afinal de contas, agora percente...