Wi-Fi 7 vs Wi-Fi 6E: vale a pena trocar o router que tem em casa?

O Wi-Fi 7 é a mais recente norma Wi-Fi que traz melhorias de desempenho significativas. Mas como ainda está a dar os primeiros passos, num Wi-Fi 7 vs Wi-Fi 6E faz sentido trocar o router que tem em casa?

Wi-Fi 7 vs Wi-Fi 6E: vale a pena trocar o router que tem em casa?

O que é o Wi-Fi 6E?

O Wi-Fi 6E é uma variante da norma Wi-Fi 6, que pode utilizar a banda de frequência de 6GHz para além das bandas convencionais de 2,4GHz e 5GHz. Mas não é uma norma totalmente nova e baseia-se também no mesmo protocolo IEEE 802.11ax que o Wi-Fi 6. É por isso que o E em Wi-Fi 6E significa “extended” (alargado).

A adição à banda de 6GHz permite que o Wi-Fi 6E utilize até 14 canais adicionais de 80MHz ou sete canais adicionais de 160MHz. Como resultado, pode proporcionar um melhor desempenho, apesar de ter a mesma velocidade máxima teórica de 9,6 Gbps que o Wi-Fi 6.

Wi-Fi 7 vs Wi-Fi 6E

O Wi-Fi 6E também pode suportar mais dispositivos sem ficar congestionado e tem menos interferências, uma vez que nenhum dispositivo antigo pode funcionar na banda de 6GHz. Além disso, traz todos os benefícios do Wi-Fi 6, como o OFDMA (acesso múltiplo por divisão ortogonal de frequência) e uma versão melhorada do MU-MIMO.

- Advertisement -

Assim, essencialmente, com o Wi-Fi 6E, obtém-se um Wi-Fi 6 melhorado que pode proporcionar velocidades de dados mais rápidas, baixa latência e pouca interferência.

O que há de novo no Wi-Fi 7

O Wi-Fi 7 é o verdadeiro sucessor do Wi-Fi 6 e a mais recente norma Wi-Fi. Baseia-se no protocolo IEEE 802.11be e, tal como o Wi-Fi 6E, pode utilizar bandas de frequência de 2,4 GHz, 5 GHz e 6 GHz. No entanto, o seu principal destaque é o Extremely High Throughput (EHT), que lhe permite oferecer velocidades de dados incrivelmente elevadas. Teoricamente, pode suportar uma velocidade de até 46 Gbps, que é quase cinco vezes superior à do Wi-Fi 6E. Mas lembre-se que uma ligação Wi-Fi está geralmente limitada a uma banda específica de cada vez, pelo que as velocidades máximas reais do Wi-Fi 7 serão significativamente inferiores, mas ainda assim na ordem dos vários gigas.

Wi-Fi 7 vs Wi-Fi 6E

Também proporciona uma latência mais baixa do que os protocolos Wi-Fi anteriores e suporta canais ultra-largos de 320 MHz. Além disso, o Wi-Fi 7 oferece melhor qualidade de ligação e fiabilidade através do seu funcionamento Multi-Link, que pode alternar dinamicamente entre bandas ou utilizar as três bandas em simultâneo. No entanto, ao utilizar várias bandas, não será capaz de ultrapassar a velocidade máxima da sua banda mais alta.

Noutras melhorias, tem um 4096-QAM (Modulação de Amplitude em Quadratura) superior, que decide a quantidade de dados a incluir em cada sinal. É uma das razões pelas quais o Wi-Fi 7 é capaz de EHT. Em comparação, o Wi-Fi 6E e o Wi-Fi 6 têm um 1024-QAM.

Qual é a vantagem da nova versão?

Embora o Wi-Fi 6E seja, por si só, impressionante, o Wi-Fi 7 apresenta melhorias significativas em relação a ele. Por exemplo, o Wi-Fi 7 pode oferecer velocidades mais rápidas em todas as bandas Wi-Fi do que o Wi-Fi 6E. Por isso, não é apenas a banda de 6GHz que terá o aumento mais significativo devido aos canais de 320MHz; as bandas de 2,4GHz e 5GHz também ficarão mais rápidas do que as gerações anteriores.

Quanto a outras vantagens, o Wi-Fi 7 é melhor a lidar com interferências do que o Wi-Fi 6E. Se viver num arranha-céus ou num bairro denso, a mais recente geração de Wi-Fi terá um melhor desempenho, uma vez que pode cortar facilmente partes de um canal que tenha interferências, em vez de eliminar todo o canal, o que acontece com o Wi-Fi 6E.

O sucessor do Wi-Fi 6 também apresenta melhorias em termos de alcance do sinal. Embora não se verifiquem melhorias drásticas, os emissores Wi-Fi 7 terão geralmente um melhor alcance de transmissão do que os routers Wi-Fi 6E comparáveis em todas as bandas. É importante notar aqui que os benefícios do Wi-Fi 7 dependerão do seu router, dos dispositivos clientes e do ambiente de sinal.

O que deve escolher?

Num Wi-Fi 7 vs Wi-Fi 6E, o Wi-Fi 7 oferece, sem dúvida, melhorias significativas em relação ao Wi-Fi 6E. Mas para a maioria das pessoas que estão a atualizar a partir do Wi-Fi 5 ou de gerações anteriores, o Wi-Fi 6E faz mais sentido. É bastante rápido para lidar com a Internet de classe gigabit ou mesmo com a Internet de 2,5 gigabit. Para além das melhorias de velocidade, é melhor para lidar com um grande volume de dispositivos em comparação com o Wi-Fi 5, e a banda de 6 GHz ajudará a evitar interferências nas bandas de 2,4 GHz e 5 GHz, especialmente se residir numa localidade densa.

Entretanto clique aqui para seguir a Leak no Google Notícias e ficar a par de todas as informações mais importantes. Pode também subscrever aqui a nossa Newsletter e receber as notícias no seu e-mail.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Especiais

Subscreva a Newsletter Leak

Não perca nenhuma informação importante! Subscreva a newsletter Leak e receba todas as notícias, destaques e outras informações importantes no seu e-mail.