Versão global do Xiaomi Redmi 7 recebe prenda antes do fim!

O Redmi 7 chegou início de 2019. Chegou com o MIUI 10 baseado no Android Pie. Entretanto este dispositivo foi posteriormente atualizado para o MIUI 11. Agora, com 2020 quase a acabar, a empresa começou a lançar a tão esperada atualização do Android 10 para a variante global do Xiaomi Redmi 7.

Versão global do Xiaomi Redmi 7 recebe prenda antes do fim!

Esta empresa já tinha iniciado o lançamento do Android 10 para o Redmi 7 na China no próprio mês de junho. Mas a empresa levou 6 meses para disponibilizar a mesma atualização para a variante global.

A atualização mais recente para a variante global do Redmi 7 vem com o número de compilação V11.0.1.0 QFLMIXM. Como está a ser implementada de forma faseada, não vai chegar a todos os utilizadores ao mesmo tempo.

Xiaomi Redmi 7 global

A nova versão desenvolvida para o antigo best-seller da Xiaomi chega com um novo sistema de notificações e gestos do centro de controlo juntamente com otimizações para o modo escuro. Além disso, chega também com uma animação baseada em gradientes de cor para a barra de estado. Temos também muitas correções à mistura.

Dito isto, esperamos que a Xiaomi comece a distribuir a atualização do Android 10 para as outras variantes regionais do Redmi 7 nos próximos dias. Infelizmente, esta pode ser a última grande atualização para este smartphone, uma vez que a empresa cancelou recentemente a atualização MIUI 12 e este equipamento não é elegível para o Android 11.

Lembro que o Redmi 7 possui um ecrã que disponibiliza uma resolução HD+ de 1520 x 720 pixéis. Disponibiliza uma proporção de 19:9 e suporta 84% de cores NTSC. Sendo um ecrã certificado pela TUV Rheinland, os utilizadores do Redmi 7 não terão motivos para se queixar de fadiga ocular. Isto porque reduz efetivamente a emissão de raios azuis prejudiciais. Entretanto o painel encontra-se protegido por vidro Corning Gorilla Glass 5.

Redmi 7: Chipset Snapdragon 632, 4GB de memória e 64GB de armazenamento

A plataforma móvel Snapdragon 632 de 14nm destaca-se pelo processador octa-core que inclui quatro núcleos de elevado desempenho Kryo 250 que operam a 1,8 GHz. Destacam-se ainda outros quatro que são mais eficientes em termos energéticos (embora mais lentos), os Kryo 250 e que operam a 1,8 GHz.

Xiaomi Redmi 7 global

O SD632 tem 40% mais velocidade do que o Snapdragon 626. Inclui placa gráfica Adreno 605 e modem X9 LTE. Os smartphones equipados com o Snapdragon 632 podem suportar algumas funcionalidades avançadas de câmara, como efeitos bokeh em tempo real, captura de fotos em grande angular e captura de vídeo em 4K. O SD632 também suporta dual 4G VoLTE.

Este chipset que também está presente nas novas apostas da Motorola e no Asus ZenFone Max M2 possuem até 4GB de memória.

Entretanto ao nível da capacidade de armazenamento temos uma variante até 64GB.

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Subscreva a newsletter Leak e tenha acesso diário aos principais destaques, ofertas e descontos nos parceiros Leak. Clique aqui

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Leia também