Última Hora: Guerra com a Huawei termina! Negociações voltam!

Isto é provavelmente uma das melhores notícias para os fãs da Huawei e sinceramente para o mundo tecnológico em geral. As empresas norte-americanas já receberam o aval para poderem vender as suas tecnologias e produtos a esta empresa chinesa. O presidente Trump fez hoje esta divulgação numa conferência de imprensa à margem do G20 em Osaka.

Última Hora: Guerra com a Huawei termina! Negociações voltam!

Esta pode ser para muitos uma reviravolta surpreendente. Ainda para mais, passou uma semana desde que o governo Trump classificou o gigante tecnológico como uma ameaça à segurança nacional. Esta declaração não elimina totalmente a proibição, mas pode melhorar significativamente o negócio da empresa chinesa.

com a Huawei

Além de suspender a proibição à Huawei, Trump anunciou que os Estados Unidos e a China vão retomar as negociações comerciais que correram mal no mês passado.

Entretanto, Trump também concordou em adiar a ideia de colocar tarifas adicionais aos produtos provenientes da China. Resumidamente, qualquer empresa americana já pode vender produtos à Huawei. No entanto, a questão da Huawei vender os seus produtos em território americano, como smartphones, portáteis e tecnologias de comunicações não se alterou.

Como parte desta trégua, o presidente chinês Xi Jinping prometeu comprar quantidades enormes de produtos agrícolas dos EUA. “Vamos dar-lhes uma lista de coisas que gostaríamos que comprassem”, afirmou Trump na conferência que está a decorrer no Japão. Assim, toda a proibição do comércio pode tornar-se numa coisa do passado se todas as conversações comerciais correrem bem.

Claro que isto não significa, para já, amigos para sempre. Problemas comerciais entre os dois países vão sempre existir e talvez, mais para a frente, possam pairar outros fantasmas de bloqueio. No entanto, como sempre disso, isto não iria dar em nada.

Estas guerras comerciais até são compreensíveis, mas não se pode chegar a extremos. É que uma simples proibição à Huawei, não coloca apenas este fabricante em risco. De facto, a confirmar-se esta situação iria ter um grave impacto económico em algumas empresas americanas, como até já estava a acontecer.

Resumindo e concluindo, temos hoje uma excelente notícia. Agora é preciso continuar a trabalhar em prol de mais desenvolvimento tecnológico e menos guerras.

Fonte

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também

Deixe um comentário