Domingo, Dezembro 10, 2023

A Samsung produz, mas quem vende mais OLED é mesmo a Apple

Como deve saber, no ano passado, a Apple apostou numa gama de iPhones totalmente equipada com ecrãs OLED. Um grande aleluia, visto que o mercado já andava a pedir ecrãs OLED em todas as versões do smartphone da gigante Norte-Americana há bastantes anos.

Dito tudo isto, de forma bem curiosa, parece que a grande aposta no OLED também significa que a Apple foi quem mais enviou aparelhos equipados com este tipo de ecrã para o mercado. Batendo a própria Samsung. É que caso não saiba, a Samsung é a principal fornecedora de ecrãs OLED flexíveis no mundo dos smartphones, sendo também a principal fornecedora da Apple.

É incrível não é?

A Samsung produz, mas quem vende mais OLED é mesmo a Apple

Portanto, em termos de smartphones equipados com ecrãs OLED, em 2021, estamos a falar de cerca de 630 milhões de aparelhos. Dentro deste número, temos a Apple a apresentar, sozinha, 176 milhões de unidades enviadas para as prateleiras. Ou seja, 28% do mercado. Em comparação, a sua principal fornecedora de ecrãs OLED, a Samsung, fica pelos 23%.

Ou seja, 2021 foi a primeira vez que a Samsung caiu para o segundo lugar da tabela. Por várias razões. Primeiro, a Apple apostou muito forte na sua gama iPhone 12. Em segundo lugar, a Samsung teve problemas sérios com as suas linhas de produção, sendo incapaz de enviar unidades suficientes do Galaxy S21 na altura do seu lançamento, isto sem esquecendo, que após o ‘hype’ do lançamento, a gama S21 foi a pior gama Galaxy S de sempre no mercado. Ao mesmo tempo, a gigante Sul Coreana também cancelou o lançamento de uma nova gama Galaxy Note.

Contudo, nem tudo é mau para a Samsung. Sim, em número de smartphones vendidos, a coisa caiu. Mas a verdade é que continua a ser a maior fornecedora de ecrãs OLED do mercado. Por isso, acaba por estar a ganhar dinheiro em cada unidade vendida, seja esta Samsung, Apple, Oppo, Xiaomi, etc…

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, fui sempre aquele membro da família que servia como técnico ou reparador de tudo e alguma coisa (de borla). Agora tenho acesso a tudo o que é novo e incrível neste mundo 'tech'. Valeu a pena!
Globaldata

Leia também

Outras notícias