Google puxa o tapete às respostas inteligentes do Gmail


Por em

Quando a Google fez há alguns meses uma grande atualização ao Gmail adicionou a funcionalidade de respostas inteligentes. Isto era algo que já estava disponível nos nossos telemóveis e que mais tarde chegou à versão para computador. Agora algo muda nas respostas inteligentes do gmail.

Respostas inteligentes do Gmail: Responder rapidamente a uma mensagem

Com as respostas inteligentes pode responder rapidamente a uma mensagem, seleccionando uma das três respostas disponíveis. No fundo é uma forma rápida e eficaz de despachar alguém mais chato ou insistente, especialmente quando estamos com pressa.

respostas inteligentes do Gmail

No entanto, estas mensagens geradas por um sistema de inteligência artificial começaram a tornar-se incomodativas para quem tem muita paciência para receber e enviar emails. Ora, quem não queria utilizar as respostas inteligentes acabava sempre por ser brindado com elas.

Quer tenha sido por queixas dos utilizadores, ou simplesmente porque lhe apeteceu, a Google vai finalmente permitir desativar esta função.

Mas afinal como é que as mensagens inteligentes funcionam?

Bem, a Google explicou ao jornal americano, The Wall Street Journal, que as respostas inteligentes são escolhidas a partir de uma biblioteca de frases que um sistema identifica como relevantes para uma situação, após analisar milhões de opções.Sim, isto significa que a Google andava a ler emails para treinar este sistema. No entanto, tudo foi sempre feito com as maiores preocupações e respeito pela privacidade dos utilizadores.

Privacidade à parte, o que importa é que agora vão ser os utilizadores a escolherem se querem utilizar ou não este funcionalidade.

No entanto as novidades não ficam por aqui. A Google vai lançar a composição inteligente de mensagens, uma funcionalidade semelhante às respostas inteligentes. No fundo prevê aquilo que vai escrever a seguir para tudo ser mais rápido.

De facto os sistemas de inteligência artificial e de machine learning podem contribuir para nos facilitar a vida. No entanto, tudo isto ainda está longe da perfeição. Conclusão, por vezes incomodam mais do que ajudam.

Leia também

Ou veja mais notícias de outros

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.
Etiquetas
Anterior

Ainda não sabe, mas o seu filho está em perigo na internet!

Marcar um encontro amoroso? O Facebook vai fazer de cupido!

Seguinte