Qualcomm tem um novo sensor de impressões digitais no ecrã

A Qualcomm não se dedica apenas ao desenvolvimento de chipsets. Dito isto, também fabrica sensores que analisam as impressões digitais. Apenas para exemplificar, o leitor ultrassónico de impressões digitais integrado no Galaxy S10 foi desenvolvido pela Qualcomm. Entretanto, uma nova informação que chegou à Internet revela que esta empresa está a trabalhar num novo sensor. Ele destaca-se por uma área maior e sobretudo por maior desempenho no que diz respeito à velocidade de desbloqueio.

Qualcomm tem um novo sensor de impressões digitais no ecrã

A informação foi revelada no Weibo pelo leakster Digital Chat Station. Na prática será um novo sensor ultrassónico de 20 mm x 30 mm.

Qualcomm impressões digitais

O novo sensor possui uma área de digitalização maior e a velocidade de reconhecimento também é mais rápida. O post no Weibo diz que o novo sensor provavelmente deverá funcionar com o chipset Snapdragon 875 que será lançado no próximo ano. Isto significa uma estreia nos topos-de-gama de 2021.

Entretanto, a Qualcomm também possui outro sensor que ainda não apareceu nos dispositivos. Falo de um sensor biométrico 3D Sonic Max de 2ª geração que é capaz de analisar duas impressões digitais ao mesmo tempo. Isto significa que pode ter os dois polegares no ecrã para desbloquear o smartphone. Espera-se que o sensor apareça na próxima gama Galaxy Note 20 que será lançada em agosto.

A propósito disto, o Samsung Galaxy S20 Ultra passou na certificação Bluetooth SIG. Este smartphone tem o número SM-N986U e a sua existência põe em dúvida as palavras de um especialista que afirmava que o Note 20 Ultra deste ano não iria existir.

Esta não é a primeira aparição deste smartphone. Anteriormente, este equipamento já tinha aparecido no Geekbench. Nessa altura, o conhecido leakster Ice Universe revelou que ele iria chegar com o chipset Snapdragon 865+. Entretanto teremos também um carregador de 25W na caixa.

De acordo com uma certificação recente, o equipamento com o modelo número EB-BN980ABY (alegadamente o Samsung Note 20) deverá incluir uma bateria avaliada em 4170mAh. O que por sua vez deverá equivaler a uma bateria de 4300mAh! Ao fim ao cabo, o Galaxy Note 10+ também teve uma bateria avaliada em 4170mAh, mas chegou ao mercado a anunciar 4300mAh.

Dito isto, se estes 4300mAh forem mesmo verdade, o aparelho fica bastante mais aliciante! No entanto, novos rumores sugerem um ecrã LTPO de 60Hz neste modelo, em vez do esperado ecrã OLED QHD+ de 120Hz que deverá chegar ao Note 20+, o que deverá resultar numa maior eficiência energética no ecrã. (Que é inegavelmente um dos maiores responsáveis pelo consumo de bateria nos smartphones atuais.)

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Subscreva a newsletter Leak e tenha acesso diário aos principais destaques, ofertas e descontos nos parceiros Leak. Clique aqui

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Leia também