Inicio Android (Especial) A proibição imposta à Huawei resultou?

(Especial) A proibição imposta à Huawei resultou?

Caso já não se lembre, a proibição originalmente imposta por Donald Trump à Huawei aconteceu em Maio de 2019! Ou seja, há mais de um ano.

No entanto, apesar do tema ser sempre o ‘ban’ à gigante Chinesa, a verdade é que o esforço da administração Norte Americana é composta por um conjunto de pequenas regras, que todas juntas, equivalem a um gigantesco e bem real pesadelo para a Huawei.

(Especial) A proibição imposta à Huawei resultou? Mais ou menos

proibição Huawei

Primeiramente, a proibição começa logo por obrigar todas as fornecedoras de rede móvel Norte Americanas a cortar quaisquer laços com a empresa Chinesa. O que claro está, inclui a compra de smartphones e componentes para as infra-estruturas 4G e 5G.

Aliás, a Huawei não foi apenas retirada de todas as compras futuras, visto que estas empresas também foram obrigadas a retirar todo o hardware da fabricante. Algo que de uma maneira ou outra tem sido replicado por vários países Europeus (link).

Posteriormente, temos a segunda fase das proibições, que por sua vez implicam o corte de relações no fornecimento de serviços, entre outras coisas… Que não foi seguida à risca, mas que teve efeitos nefastos na empresa! Estamos obviamente a falar da Google, TSMC, ARM, Microsoft, Intel, NVIDIA e AMD. Destas 7 empresas, 5 são Norte Americanas, e 4 destas cinco até conseguiram garantir uma licença para continuar a relação comercial com a Huawei. (Todas menos a Google).

proibição Huawei

Ao fim ao cabo, como deve saber, a Huawei tem lançado vários portáteis baseados no SO Windows e Hardware da AMD, Intel e NVIDIA nos últimos meses. Porquê? Muito provavelmente porque o governo Norte Americano não considera o departamento de computadores da Huawei como uma ameaça no mercado (ao contrário do departamento de smartphones).

Em suma, os Estados Unidos têm dois grandes alvos no mundo Huawei, os smartphones e a infra-estrutura de redes! Que na verdade, é onde a empresa é realmente forte e uma ameaça às restantes empresas da indústria

Afinal de contas, além de todas as medidas impostas em 2019, em Maio de 2020, Donald Trump decidiu começar a atacar a rede de fornecimento de chips da Huawei, ao impossibilitar a relação comercial da Huawei com a TSMC. Ou seja, uma vez mais, o alvo são os smartphones e hardware de redes da gigante Chinesa, visto que todo o hardware necessita destes chips baseados na arquitetura ARM.

Entretanto, a TSMC e ARM não são empresas Norte Americanas. Contudo, têm recebido pressões enormes dos Estados Unidos, o que vai inegavelmente ter um impacto nefasto na Huawei. Afinal de contas, a TSMC já anunciou a ruptura, com a SMIC a tomar o seu lugar.

A proibição em cima da Huawei não está a funcionar como devia, em vez disso, está mais focada onde realmente poderá ter efeitos nefastos na empresa! Mas será que estas medidas estão a resultar?

Sim e não, apesar da Huawei estar a sofrer, especialmente no mundo do 5G, a verdade é que a empresa continua a receber royalties das suas muitas patentes. Por isso, neste campo, não é de todo um golpe fatal.

Dito isto, o que realmente está a ser uma dor de cabeça é o desaparecimento dos Google Mobile Services, e produção da TSMC- Visto que a Huawei se viu obrigada a refazer toda a sua estratégia no mundo dos smartphones.

Apesar de tudo isto ter sido um rude golpe, parece que a empresa tremeu mas não caiu, conseguindo até ultrapassar a Samsung como a maior fabricante do mundo dos smartphones (com alguma ajuda do Coronavírus). Afinal de contas, com a proibição, a Huawei apostou forte e feio no mercado Chinês (onde a perda da Google não fez qualquer diferença), roubando quota de mercado séria às suas rivais Vivo, Xiaomi e Oppo.

Dito tudo isto, apesar da fabricante se estar a ‘aguentar’, a verdade é está numa autêntica corrida contra o tempo!

proibição Huawei

A sua cota de mercado na Europa está em queda, sendo necessário elevar o nível dos HMS (Huawei Mobile Services), isto ao mesmo tempo que os chips ‘by TSMC’ também estão prestes a desaparecer! Visto que a Huawei se vai ver obrigada a fazer parceria com a SMIC, que claro está, é muito inferior à TSMC.

Ou seja, os smartphones da Huawei não só são agora inferiores no campo do software, como também poderão ficar atrás da concorrência no hardware! Com SoCs mais fracos em relação à oferta da Apple, Qualcomm e Samsung. E isso sim… Poderá ser fatal.

Conclusão

Em suma, a Huawei não morreu!

Mas vai continuar a sofrer nos próximos meses, especialmente após o lançamento dos novos Mate 40 que deverão ser os últimos smartphones com SoCs produzidos pela TSMC. Ao fim ao cabo, a gigante Chinesa tem de tentar igualar os serviços da Google. Ao mesmo tempo que tem de se manter competitiva na performance (nos smartphones e hardware de redes) ao contar com uma fabricante de semicondutores muito inferior à que dá vida à concorrência.

Além de tudo isto, as coisas até poderão piorar nos próximos tempos! Afinal, o governo Norte Americano poderá conseguir convencer a ARM a cortar a sua relação comercial com a Huawei… E aqui, muito provavelmente já não existiria solução. (A ARM está neste momento a passar por um período de instabilidade real, com a NVIDIA a tentar adquirir a empresa).


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo. Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Quer receber notificações gratuitas no seu smartphone ou computador sempre que lançamos um novo artigo? Clique aqui.

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.

Leia também

COVID-19: é perigoso receber encomendas vindas da China?

Passado tantos meses depois do início da pandemia, o mundo continua a estar alerta com as devastadoras e fatais consequências do famoso coronavírus! Afinal...

Google Fotos acaba de receber uma grande novidade no Android!

O Google Fotos é uma aplicação imprescindível em qualquer smartphone. É que graças a ela nunca perdemos qualquer fotografia ou vídeo. Fica tudo armazenado...

Samsung Galaxy A42 5G: renderizações estão na Internet!

A Samsung está a apostar forte nos smartphones 5G. Especialmente no campo da gama média. O primeiro passo foi dado com o Galaxy A51...

NVIDIA resolveu o problema das RTX 30! (Mas baixou as frequências)

Como deve saber, o (reduzido) stock de placas RTX 3080 está a dar problemas a quem fez tudo por tudo para conseguir meter as...

(Especial) A LG ‘estranha’ está de volta! E ainda bem!

Quando estamos inseridos numa indústria como a tecnológica, nomeadamente a de smartphones, começa a ser um pouco aborrecido ver aparelhos que são no fundo...