Preços dos AMD Threadripper de primeira geração em queda livre!

A estratégia da Intel contra a AMD no segmento dos processadores de alta performance tem sido bastante estranha… O que acaba por demonstrar as dificuldades que a empresa apresenta actualmente.


  • Estará a Intel a ser completamente ultrapassada pela rival? – Clique Aqui.

A estratégia da Intel contra a inesperada duplicação da AMD na contagem de núcleos dos seus processadores Ryzen Threadripper HEDT tem sido no mínimo estranha… Quase como uma galinha sem cabeça!

Anunciando um processador de 28 núcleos, que precisa de uma nova motherboard. E encontrando-se ao mesmo tempo a trabalhar num processador de 22 núcleos para a plataforma existente LGA2066.

No entanto, parece que a AMD não quer entrar no jogo da Intel! Tencionando magoar a rival onde mais lhe dói… no preço dos processadores. O novo processador de 32 núcleos da AMD já foi visto em algumas lojas Alemãs, custando cerca de 1500€, ou seja… mais 500€ que o antigo topo de gama de 16 núcleos, o Threadripper 1950X.

Em suma, a AMD pode atacar forte e feio toda a gama de processadores com mais de 10 núcleos da Intel! Que actualmente se encontra dentro da gama de preços de 1199$ – 1999$.

AMD Threadripper

E parece que a AMD não quer ficar por aqui! Pois também tem em vista atacar a gama Core X abaixo dos 1000$!

Os preços da primeira geração de processadores Ryzen Threadripper estão em autêntica queda livre! Com o topo de gama Threadripper 1950X a custar agora menos de 650€ e o CPU de 12 núcleos 1920X a custar menos de 550€. Para terem uma pequena noção, o Intel Core i9-7900X continua a custar uns puxados 880€!

Esta queda é provavelmente um esforço das lojas para escoar inventário, para dar espaço à nova geração.

No entanto, também poderá significar que a AMD irá lançar versões mais baratas dos seus processadores de 12 núcleos/16 núcleos, baseados na arquitectura Zen+.

O que acha disto? Será a tática da AMD a mais correta? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo!

Fonte

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também

Deixe um comentário