Portugal não tem direito à Netflix mais barata com anúncios

Seis meses depois da Netflix ter falado publicamente sobre um plano mais barato suportado por anúncios, eis que esta novidade chega aos Estados Unidos a 3 de novembro a 6,99 dólares por mês. Algo como 7 Euros. Neste lançamento inicial estão também incluídos o Reino Unido e 10 outros países. Quem fica de fora é Portugal que não tem direito à Netflix mais barata com anúncios.

Portugal não tem direito à Netflix mais barata com anúncios

Mas antes dos Estados Unidos este plano mais barato chega ao Canadá e México no dia 1 de novembro. Entretanto no dia 3 e para além dos EUA e Reino Unido como falámos acima chega também à Austrália, Brasil, França, Alemanha, Itália, Japão e Coreia do Sul. Será entretanto lançado em Espanha no dia 10 de novembro.

Netflix

Entretanto a Netflix estabeleceu parcerias com a DoubleVerify e a Integral Ad Science para verificar a visibilidade e validade do tráfego dos seus anúncios a partir do primeiro trimestre de 2023.

Os custos mensais de subscrição variam de acordo com o país. Nos EUA, esta novidade custa menos de metade do nível Standard da Netflix a 15,49 dólares por mês (o Basic custa atualmente 9,99 dólares e o Premium 19,99 dólares).

Entretanto a Disney+ também terá um plano suportado por anúncios de 7,99 dólares. Chega a 8 de Dezembro.

Mas quanto publicidade é que os utilizadores vão receber?

Os responsáveis disseram que haverá uma média de quatro a cinco anúncios por hora e no lançamento os anúncios terão entre 15 e 30 segundos e são mostrados antes e durante os espetáculos e filmes.

Portugal fica de fora, para já, desta Netflix mais barata.

As vantagens

A grande vantagem de um plano apoiado por anúncios será o preço mais baixo, que é a principal razão para a aposta da Netflix. Isto porque eles consideram que pode ajudar a aumentar o número de subscritores. Lembro que neste momento a Netflix tem mais de 200 milhões de subscritores, apesar de ter perdido cerca de 200 mil no primeiro trimestre de 2022.

netflix upgrade

Uma das razões pelas quais a Netflix está a perder subscritores é a subida de preços. No início de 2022, a Netflix aumentou-os em várias partes do mundo. Dito isto, a redução do preço pode ajudar a Netflix a reter utilizadores que podem estar a ponderar cancelar as suas subscrições e até atrair novos utilizadores que têm andado a partilhar contas.

Planos mais baratos suportados por publicidade não é uma novidade. A maioria dos concorrentes de streaming da Netflix como o HBO Max, Hulu, Paramount+, entre outros, já os utilizam. Seguir a tendência provavelmente também ajudará a Netflix a evitar a concorrência, que tem beneficiado fortemente desta iniciativa. Seja como for, a Netflix tem ainda de garantir que os preços no seu plano suportado por anúncios é realmente competitivo.

Netflix plano com publicidade

As desvantagens

Os anúncios podem ser uma boa forma de os produtos e serviços atraírem mais utilizadores, pelos preços mais baixos. No entanto, continuam a existir desvantagens.

Logo à partida os anúncios podem ser intrusivos. Assim dependendo da forma como a Netflix os vai implementar, o plano suportado por anúncios pode prejudicar a experiência de utilização desta plataforma.

Para além disso existe também o risco de a empresa trazer anúncios para outros planos. Isto se o novo plano tiver muito sucesso. Deste modo deixaria de aumentar os preços o que seria uma coisa boa. Mas em troca passámos a ter anúncios em tudo e passaria a ser algo normal para todos.

Netflix plano com publicidade

Com a indústria do streaming a tornar-se cada vez mais competitiva, a Netflix está a apostar cada vez mais em títulos originais. Logicamente, este investimento tem de ser recuperado através do aumento dos custos de subscrição ou adicionando mais subscritores pagantes. Assim e como não dá para aumentar mais os preços, ou não convém, é mesmo necessário cativar mais pessoas.

O lançamento de um nível mais barato suportado por anúncios irá atrair mais pessoas. Resta-nos é perceber como é que os clientes atuais irão reagir.

Siga a Leak no Google Notícias e não perca todas as informações mais importantes.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Leia também

Microsoft quer revolucionar atualizações do Windows 11!

Pode parecer uma notícia curiosa após todas as piadas e "memes" que tivemos a oportunidade ver na Internet nas últimas horas, mas a realidade...

Xiaomi tem um smartphone pronto a dar pesadelos à Samsung!

Vamos ser mesmo muito honestos... Apesar do facto de a Samsung dominar o mundo dos dobráveis, esta está muito longe de oferecer o melhor...

35 graus é suficiente para perder esta autonomia no seu VE!

Nenhum automóvel escapa ileso a condições climatéricas mais extremas. Com as temperaturas a aquecer, sobretudo esta semana, os proprietários de veículos eléctricos confrontam-se com...

Anda a ver CAPTCHAs a toda a hora? Esta é uma das razões!

Se utiliza uma rede privada virtual (VPN) enquanto navega ou para aceder a streaming, é provável que resolva mais CAPTCHAs do que gostaria. O...

Tem a certeza que está a utilizar o para-sol de forma correta?

A utilização de um para-sol quando estaciona sob luz solar direta é uma forma fácil, económica e comprovadamente eficaz para combater o calor e...

Estas são as causas da baixa pressão do óleo no seu automóvel!

A maioria das pessoas sabe que o óleo é um componente vital para os motores de combustão interna que alimentam a maioria dos nossos...

Newsletter Leak

Receba todas as notícias e destaques diretamente no e-mail. É grátis!

Artigos relacionados