Películas anti-reflexo? Em breve vão poder guardá-las na gaveta

15052
0
Share:

Eventualmente nunca mais vão precisar de películas anti-reflexo para o vosso smartphone graças a uns novos painéis de vidro nanoestruturados.

A maioria dos dispositivos eletrónicos – incluindo os smartphones – vêm com painéis de vidro que protegem os ecrãs de danos. No entanto, embora durável, o vidro é altamente reflexivo, o que se torna num problema ainda maior quando é utilizado, por exemplo, com a tecnologia OLED. É que estes painéis não são tão brilhantes como os ecrãs LCD mais tradicionais. Uma solução é comprar películas anti-reflexo, no entanto nem sempre contribuem para a estética do equipamento e acabam por se estragar com facilidade. Assim sendo, qual a solução?

Uma equipa de pesquisadores liderada por Andreas Liapis desenvolveram uma superfície especial para o vidro, composta por cones nanoestruturados altamente transmissíveis, o que melhora substancialmente a legibilidade do ecrã mesmo sob a luz solar direta.

A equipe da Liapis deu resposta a esta situação ao criar uma superfície nanoestruturada onde os materiais de copolímero são montados. O desenvolvimento posterior da superfície do vidro e a formação das nanoestruturas ocorrem neste modelo, transformando efetivamente a superfície do vidro numa floresta de “cones altamente transmissíveis”.

Em diversas testes, a equipa descobriu que a transmissão média da luz visível permaneceu superior a 90%. Esta poderá ser das primeiras tentativas dos investigadores desenvolverem meios comercialmente viáveis para produzirem superfícies anti-reflexivas nanoestruturadas.

Mais informações podem ser encontradas aqui.

Share:
Bruno Fonseca

Dê a sua opinião