O Facebook diz ter um cuidado redobrado com a privacidade, mas…

Afinal o futuro do Facebook, não é a privacidade! – Segundo, uma das últimas conferências de imprensa, o Facebook anunciou que o seu futuro, iria basear-se fortemente na privacidade.

Contudo… Parece que a empresa está a trabalhar no sentido contrário!?

Um novo relatório vindo de Reuters, revelou que a empresa contratou funcionários de fora, com o objectivo de rever todas as suas publicações.

Não só, as do Facebook, como também as do Instagram e incluindo as publicações privadas! Tudo isto, para que consigam treinar os seus sistemas IA (Inteligência Artificial).

Segundo a Reuters, os funcionários retiram os dados baseados em 5 “dimensões”:

  • Conteúdo: Selfie, Comida, paisagem;
  • Ocasião: Eventos e actividades;
  • Elementos expressivos: Opiniões e sentimentos;
  • Intenção do autor: Planeamento de eventos, anedotas, e frases de inspiração;
  • Configuração da publicação: Casa, escola, trabalho e exterior.

Saiba que estão a ser feitas capturas de ecrã, às suas publicações e comentários!

Aliás, até em alguns casos estão a ser recolhidos nomes e outras informações mais sensíveis.

Para, realizar toda a recolha de informação, até da “privada”. O Facebook contratou a Wipro, uma empresa indiana, que veio com cerca de 260 funcionários para ajudar na recolha.

E pelos vistos, de acordo com as ultimas informações a Wipro, já trabalha em conjunto com o Facebook desde 2014.

Mas… Será que é mesmo necessário recolher até a informação que colocou como “privada”?

Por um lado sim, ajuda no tempo necessário para evoluir o IA, recolhendo mais informações.

Por outro lado, claro que não! Afinal de contas, é certo que os sistemas AI, são conhecidos por necessitarem de imensa informação, para aprenderem a interagir com os sistemas.

Contudo, a privacidade é algo extremamente importante, e ajuda a manter uma boa relação entre empresa e os seus utilizadores. Algo, que o Facebook tem perdido ao longo do tempo.



O Facebook, já confirmou todas estas informações… Aliás, informou desde logo, que meteu no mesmo projeto, as equipas dedicadas à legalidade e privacidade.

Seja como for, a altura não poderia ser a pior para uma decisão destas por parte desta rede social. Visto que, está a enfrentar uma série de problemas relacionados com a privacidade dos dados dos seus utilizadores.

Em suma, estas informações confirmam o contrario do que nos foi dito. Afirmando, que o futuro do Facebook, afinal não é a privacidade.


Ademais, o que pensa sobre isto? Partilhe connosco a sua opinião, nos comentários em baixo.

Fonte 

Silvio José
Sempre gostei de tecnologia, e em tenra idade já sonhava em construir a minha Dream Machine. Alcançado esse sonho agora o objetivo é aprender mais e mais. A minha paixão em todo o tipo de tecnologia faz-me estar sempre alerta a todas as novidades.