Nvidia corrige graves falhas de segurança nos drivers. Atualize já!

A nova atualização lançada pela Nvidia corrige três problemas de segurança. Eles estão classificados com a gravidade elevada e média e afetam os controladores desta placa gráfica. Ou seja, se têm uma placa gráfica NVIDIA será boa ideia perderem uns minutos a atualizá-la. Caso não façam esta atualização, podem estar a abrir a caixa de pandora. Algumas das consequências principais são a execução de código remoto, ataque de denial of service, escalonamento de privilégios e acesso a informações confidenciais em máquinas Windows vulneráveis. Ou seja, é algo para levarmos muito a sério! Dito de outro modo, atualizem já!

Downloads disponíveis aqui!

Nvidia corrige

Nova atualização da Nvidia corrige três problemas de segurança! 

É verdade que numa primeira fase e para que estas falhas sejam ativamente exploradas é necessário um acesso local ao computador. No entanto, os criminosos também podem aceder aos computadores através de ferramentas maliciosas. Ou seja, quem não instalar a correção está realmente a arriscar-se.

É por este motivo que a NVIDIA aconselha todos os utilizadores a atualizarem os seus controlador assim que possível. Assim basta aplicarem a correção que está disponível aqui.

As situações resolvidas dão pelos nomes de código CVE‑2019‑5675, CVE‑2019‑5676 e CVE‑2019‑5677.

Claro que todas as formas de ataque são graves e as consequências também. No entanto desta vez o problema é sério. É que existe a possibilidade de se poder deitar a mão às informações presentes nos computadores das vítimas e isso é algo que ninguém quer.

Nvidia corrige

Entretanto a falha que dá origem a um ataque de denial of service, pode fazer com que o computador da vítima deixe de funcionar temporariamente. Para além disso, permite ainda executar comandos ou código nos computadores comprometidos.

Esta não é o primeiro alerta emitido pela NVIDIA nos tempos mais recentes. Lembramos que no final de março este fabricante também lançou uma atualização de segurança que corrigia vulnerabilidades que foram descobertas pelo investigador David Yesland do Rhino Security Labs e que podia levar também à execução de código remoto, escalonamento de privilégios e denial of service.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Mais deste autor

Relacionadas

Publicidadespot_img

Últimos artigos

iPhone 13 Pro Max vs Galaxy S22 Ultra: quem resiste mais?

O lançamento de novos smartphones significa novos testes. Enquanto alguns são mais calmos e limitam-se ao normal, outros são mais perigosos. Pelo menos para...

Especial – O que é uma TV Box? É uma porta aberta para o IPTV!

É muito provável que já tenha ouvido falar de aparelhos denominados de TV Box, Box Android, ou Smart Box, por essas Internets fora. Pois...

Windows 10: atenção desative agora mesmo estas opções!

É verdade que o Windows 11 está quase a chegar. No entanto ainda há muitas pessoas que estão a utilizar o Windows 10 e...

Não perca nenhuma informação de última hora!

Registe-ne na Newsletter Leak e receba diariamente todas as informações no seu email!