Bug que afecta mensagens encontrado no iOS da Apple

As más notícias continuam para a Apple em 2018, agora que um novo bug foi descoberto no iOS 11 que permite aos utilizadores enviar um caracter específico que “crasha” o iPhone, bloqueando o acesso a algumas aplicações

iOS

Este bug bloqueia o acesso à aplicação de mensagens do iOS e ainda a outras muito populares como WhatsApp, Facebook, Messenger, Outlook e Gmail.

O bug é basicamente causado pelo envio de um caracter da língua Indiana (Telugu), que assim que recebe esta mensagem o SpringBoard do iOS da Apple crasha.

  • SprintBoard – é um processo interno do que gere o ecrã inicial e suas aplicações, é executado juntamente com o sistema, sendo responsável pelas aplicações de inicialização e algumas das configurações do dispositivo.

A aplicação de mensagens deixa de abrir, devido às tentativas incessantes para conseguir abrir a mensagem com o caracter.

A única maneira de voltar a ter controlo da aplicação, é pedir a um amigo que envie uma outra mensagem, de modo a que se consiga entrar na aplicação para apagar a mensagem com o caracter causador de problemas.

Este bug também foi testado com sucesso no Facebook Messenger, WhatssApp, Gmail e Outlook, bloqueando as aplicações assim que a mensagem é recebida.

  • As aplicações Telegram e Skype parecem não ser afectadas.

Parece que a beta do iOS 11.3 também não é afectada por este bug, o que dá a entender que a Apple já corrigiu a vulnerabilidade na próxima versão do iOS que deverá ser lançada na primavera.

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Subscreva a newsletter Leak e tenha acesso diário aos principais destaques, ofertas e descontos nos parceiros Leak. Clique aqui

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.

1 COMENTÁRIO

Leia também