A Nokia continua a aproveitar o seu regresso ao mercado para dar nova vida a dispositivos que estavam perdidos no tempo. Dito isto, para além dos segmentos de topo, continua a lançar dispositivos económicos que apesar de terem funcionalidades mais reduzidas, não deixam de ser interessantes. Agora esta marca que pertence à HMD Global adicionou um novo modelo a este segmento chamado Nokia 110.

Nokia 110: 18 dias de autonomia por apenas 25 Euros

Nokia 110

O Nokia 110 apresenta um design atualizado que é muito semelhante ao novo Nokia 3310. O corpo é feito de policarbonato semelhante ao usado nos modelos Nokia Lumia. É compacto e tem uma dimensão de 15,2 × 49,9 × 14,3 mm, pesando 76,1 g. É verdade que para todos os efeitos este é um telefone 2G na era 5G, mas pode ser útil como dispositivo de backup.

Ao nível de especificações, o novo Nokia 110 possui um ecrã a cores de 1,77 polegadas com uma resolução de 180 × 120 pixéis. É alimentado por um chipset Spreadtrum SPRD 6531E e temos uma única câmerade 8 MP no painel traseiro.

Entretanto, o Nokia 110 obtém a sua energia de uma bateria de 800mAh que pode fornecer até 18,5 dias de autonomia no modo de espera, 14 horas de tempo de conversação e 27 horas de reprodução de música, além de 18 horas de reprodução de rádio FM. É carregado através de uma porta micro-USB.

O Nokia 110 vem nas cores cinza escuro, magenta e azul esverdeado. O preço ronda os 25 Euros.

No entanto, a Nokia também está a trabalhar em dispositivos mais recentes. Assim, a HMD Global vai lançar no início do próximo ano um dispositivo 5G mais barato que não é de se deitar fora. É que apesar de ter especificações interessantes, o Nokia 8.2 5G não deverá fazer um rombo na carteira dos utilizadores.

Nokia 8.2 5G: um smartphone 5G com um preço mais económico!

De acordo com a equipa do NokiaPowerUser, uma fonte que quis permanecer anónima afirma que o próximo Nokia 8.2 5G será alimentado pelo chipset Snapdragon 735 da Qualcomm. Este é um processador que ainda será anunciado. Espera-se que este chipset tenha tanto sucesso e esteja um pouco acima do Snapdragon 730 e diretamente abaixo do Snapdragon 865 de última geração, quando chegar no início de 2020.

Esta novidade da HMD faz bastante sentido, porque a Qualcomm e a Nokia já lançaram um teaser acerca de um smartphone equipado com um chip Snapdragon da série 700 e compatível com redes 5G. Ele deve ser ser desenvolvido com o processo de fabrico de 7 nanómetros e introduzir um sistema de inteligência artificial de nova geração.

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.