Ligue-se a nós

Android

Nem todos os Galaxy S9 terão a mesma velocidade. Saiba porquê.

Bruno Fonseca

Publicado a

A Samsung vai estrear o Galaxy S9 e o Galaxy S9+ no dia 25 de fevereiro no Mobile World Congress (MWC) e à semelhança do que aconteceu com o S8 deverá estar disponível com dois chipsets diferentes, dependendo das regiões do mundo. Em alguns países será o novo Snapdragon 845 e noutros o Exynos 9810. É neste último que nos vamos centrar nas próximas linhas uma vez que apareceu no site Geekbench e venceu o Snapdragon.

Quem ajudou a tirar toda esta conclusão foram os números de modelo do Samsung Galaxy S9 e Galaxy S9+ que foram revelados no mês anterior através da sua aparição na Federal Communication Commission (FCC) nos EUA. Os SM-G960 e SM-G965 são os números de modelo respectivos do Galaxy S9 e Galaxy S9+.

O SM-G960F que havia aparecido na plataforma de benchmarking do Geekbench é a edição single-SIM do Galaxy S9 que deverá chegar à Europa. Este modelo é alimentado pelo processador Exynos 9810.

No teste single-core, o Galaxy S9 com o chipset Exynos 9810 atingiu os 3648 pontos. Em paralelo, registou uma pontuação de 8894 no teste multi-core. O Galaxy S9 surge com o sistema operativo Android 8.0 e 4 GB de RAM.

Por outro lado, o SM-G9650 Galaxy S9+ é alimentado pelo processador Snapdragon 845 e 6 GB de RAM, tendo atingido 2214 e 8296 pontos respectivamente, nos testes single-core e multi-core do Geekbench.

À semelhança do S9, o S9+ também está a executar o Android 8.0. Apesar de apresentar 6 GB de RAM, o Snapdragon 845 não conseguiu superar o S9 com o Exynos 9810 e 4 GB de RAM.

O Exynos 9810 é um chipset de 10nm de segunda geração da Samsung que inclui quatro núcleos Exynos M3 que operam a 2,9 GHz e outros quatro Exynos M3 que funcionam a 1,3 GHz. O SoC inclui placa gráfica ARM Mali G72 MP 18 e o modem LTE Cat. 18 que suporta velocidades de download até 1,2 Gbps.

Já o Snapdragon 845 é o chipset de 10nmm de segunda geração da Qualcomm. Ele é composto por oito núcleos Kryo 385 que podem operar até até 2,8 GHz. Possui placa gráfica Adreno 630 e modem LTP Snapdragon X120 que também é capaz de atingir velocidades máximas de download de 1,2 Gbps.

Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

1 Comentário

Partilhe a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Publicidade

Mobile

Hardware

Publicidade

Entretenimento

Jogos

Auto


Copyright © 2018 Leak.pt Todos os direitos reservados