O desenvolvimento das rede 5G tem sido um tópico de discussão há algum tempo. Com a comercialização desta rede em diferentes regiões do mundo, há algumas preocupações provenientes de diferentes setores. Há alegações de que a radiação 5G não é segura para a saúde humana, enquanto outras afirmam que vai afectar significativamente os sistemas de previsão do tempo.

Não, o 5G não vai mesmo afetar a meteorologia!

De acordo com as notícias avançadas por alguns sites a banda de frequência de rádio das redes de comunicação 5G utilizada pelo governo dos EUA tem algumas frequências semelhantes às dos principais satélites.

Assim, os meteorologistas têm receio que as transmissões 5G possam afetar a recolha de dados.

A propósito disto a GSMA, um órgão comercial que representa os interesses das operadoras de redes móveis do mundo, negou um relatório recente que afirma que o 5G afeta a previsão do tempo. Em resposta ao site Zhongguancun Online, a GSMA afirmou que o 5G não afetará a previsão do tempo.

A GSMA acredita que estas redes e os serviços de previsão do tempo podem coexistir. Assim estes serviços não serão afetados pelo impacto destas redes.

De acordo com a carta da GSMA, o responsável por este boato pode ser uma região ou organização que se opõe a esta tecnologia.

Segundo eles, a tecnologia 5G é uma tecnologia de rede revolucionária que pode beneficiar toda a sociedade humana. Para além disso, o 5G pode ser a salvação do mercado de smartphones!

5G pode salvar o mercado dos smartphones! Sabe porquê?

Embora o nível mais alto de procura não seja suficiente para compensar o declínio observado até agora – a IDC espera uma queda de 1,9% nas vendas este ano. O crescimento entre julho e dezembro deve ficar numa média de 1,4%. Isto apesar de um possível declínio de até 5% na China. A principal força motriz será a melhoria em mercados como a Índia. Para além de uma ampla gama de dispositivos premium mais baratos. São exemplo, o próximo iPhone XR (2019), que certamente vai despertar o interesse por parte dos consumidores.

5G

O preço vai continuar a ser um fator cada vez mais importante para os consumidores. Isto cria novas oportunidades no segmento de gama média, algo que deve beneficiar marcas como a Xiaomi e Samsung. A Huawei e a Honor também podem vir a beneficiar disto, mas tudo depende do que acontecer com os EUA.

Outro grande impulso para este mercado serão os dispositivos 5G, uma categoria que deve conquistar uma participação de 0,5%. A Samsung, OnePlus, LG e Xiaomi já têm algumas ofertas iniciais, mas muitas outras estão a caminho, incluindo as variantes 5G do Galaxy Note 10 e Note 10 Pro e os dispositivos 5G da Huawei.