(Mini-Review) Galaxy M21: Ecrã AMOLED e bateria de 6000 mAh a 226€?

(Mini-Review) Galaxy M21: A Samsung está a apostar cada vez mais na gama média de smartphones, de forma a conseguir rivalizar com as suas grandes rivais Chinesas neste segmento, como a sempre popular Xiaomi, mas também a Oppo que chegou agora ao nosso mercado de forma oficial, e claro, a grande rival Huawei.

Dito isto, ao contrário de outros tempos em que a Samsung usava a sua popularidade nas gamas mais altas para vender smartphones de gama baixa. Uma altura em que na minha opinião apresentava soluções interessantes mas demasiado caras… Parece que agora a gigante Sul Coreana está a apostar em aparelhos baratos com características brutais derivadas das suas gamas Galaxy S e Galaxy Note.

(Mini-Review) Galaxy M21: Ecrã OLED e bateria de 6000 mAh a 226€?

Portanto, hoje vamos falar do Galaxy M21, um smartphone de gama média que tem como grande objetivo servir como uma solução barata mas super competente para quem precisa de um bom aparelho, com boa bateria, mas que não arruine a conta bancária.

Nota do Redator: Para dar um ‘twist’ a esta análise e tornar a coisa mais interessante, resolvi emprestar o aparelho à minha mãe, que me anda a pedir conselhos para a compra de um novo smartphone há vários meses, depois do seu confiável iPhone 6s começar a falhar na receção de rede. Pois bem, depois de uma semana, perguntei-lhe o que achou, e se estava disposta a meter o dinheiro em cima da mesa para o adquirir. (Respondo a isto na conclusão)

Design

Pois bem, para conseguir cumprir a sua missão, enquanto na gama Galaxy A a Samsung opta por designs de vidro a fazer lembrar as gamas mais altas, aqui na gama Galaxy M temos um aparelho constituído por plástico, naquilo que é um design relativamente simples. O que não é necessariamente mau, mas poderá desiludir alguns utilizadores.

Entretanto, na parte de trás temos um corpo ligeiramente curvo com um sistema de três câmeras, bem como um sensor de impressão digital, uma traseira que também esconde uma autêntica besta de bateria de 6000mAh. Com este menino vai ter bateria para dar e vender, isso é certo.

No entanto, devido ao tamanho da bateria, o Galaxy M21 tem uma grossura de 8.9mm, que na verdade não acho demasiado grosso, tendo como vantagem o facto de conseguir esconder o módulo de câmeras dentro do corpo do aparelho.

Ecrã

Como disse em cima, a Samsung está a trazer algumas coisas que sabe fazer muito bem para as suas gamas mais baixas, por isso, podemos encontrar um ecrã Super AMOLED de 6.4” (Full HD+) do tipo ‘Infinity-U’. Não temos um ecrã completamente infinito devido à margem de baixo e notch em cima, mas temos seguramente muita qualidade de imagem num tamanho espetacular para o preço. Qualidade OLED Samsung nesta gama é sempre um grande SIM!

Câmeras

Como disse em cima, temos aqui um aparelho com 3 câmeras na traseira:

  • 48MP f/2.0
  • 8MP f/2.2
  • 5MP profundidade

Exemplos da qualidade de captura em baixo.

A câmera selfie também é bastante interessante ao contar com 20MP e modos de beleza personalizados.

Desempenho e Autonomia

Como deve imaginar, não vamos encontrar aqui um SoC Exynos 990 ou Snapdragon 865. Ainda assim, temos o muito interessante Exynos 9611 acompanhado por 4GB de RAM e 64GB de armazenamento interno.

Vai chegar perfeitamente para utilizadores casuais, que só querem uma máquina decente que não custe muito dinheiro. E que claro, tenha uma bateria de outro mundo… Afinal de contas, a grande estrela aqui é mesmo a célula de 6000mAh, que curiosamente até suporta carregamento rápido de 15W. Dois dias de uso (ou mais) é muito fácil de atingir no Galaxy M21.

Conclusão

Em suma, o Galaxy M21 não é um aparelho focado em funcionalidades topo de gama, por isso, não é a máquina certa para um entusiasta. Mas para um utilizador como a minha mãe, que apenas quer uma máquina para tirar fotos ao neto, fazer chamadas com qualidade, e ir ao Facebook num ecrã de grandes dimensões. Isto tudo sem ter que estar constantemente ligada ao carregador. Em suma, para estes objetivos, melhor é muito difícil.

Como prometi em cima, no fim da primeira semana de testes, perguntei à minha ‘cobaia’ materna se estaria disposta a comprar este aparelho por 226€. A resposta foi um redondo sim, ao mesmo tempo que cantou a ‘canção do malandro’ para tentar sacar um desconto à Samsung ou GlobalData, afinal de contas, está disposta a ficar já com o telemóvel.

Entretanto, se estiver interessado, o Galaxy M21 já está disponível na GlobalData por 229,99€. Pode usar o nosso cupão de desconto (GDLEAK20) para ficar a 226€ (O preço que referi durante toda a review).


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também

Deixe um comentário