Mercedes vai pagar uma multa de quase 12 milhões de euros!


Por em

A Mercedes e a Administração Nacional de Segurança no Trânsito estão finalmente de acordo, e como tal, a fabricante automóvel Alemã tem mesmo de pagar uma multa milionária. Porquê? Tudo graças a  uma investigação realizada à fabricante sobre como foram resolvidos alguns ‘recalls’ de veículos.

Se por ventura a Mercedes falhar o acordo… O valor da multa subirá automaticamente para os 18 milhões! 

Portanto, a investigação começou em 2018 com o objetivo de verificar como a Mercedes estaria a resolver alguns aspetos dos recall’s de vários veículos.

Afinal, segundo a entidade que realizou a investigação, uma das razões para a multa é a falta de notificação aos proprietários e a não notificação de dois recalls em tempo útil. Ou seja, nada foi feito no mais curto espaço de tempo necessário para o efeito. Deixando os condutores em perigo.

motor combustão

Segundo a Automotive News Europe, a Mercedes nem apresentou os relatórios dos recall necessários!

Dito isto, em sua defesa, a Mercedes afirma que algo pode mesmo ter corrido mal e fora do tempo. Contudo, nada terá sido cometido de forma propositada. Ainda assim, a empresa admitiu não ter cumprido os prazos de notificação à Administração Nacional de Segurança no Trânsito de Rodovias.



Um dos administradores internos da empresa que efetuou a investigação informou que: “A segurança é a principal prioridade, e os requisitos de relatórios da agência ajudam a garantir que os consumidores estão protegidos e recebem informações importantes sobre como obter reparações nos recalls”.

Mercedes, recall, a mercedes

Mercedes tem de cumprir o contrato durante o decorrer do ano de 2020!

Assim, se esta fabricante não cumprir com o acordado, o valor da multa vai subir significativamente. Qualquer coisa como cerca de 6 milhões, a acrescentar ao valor atual para ser mais exato. Afinal de contas, a segurança deve ser um dos pontos mais importantes para as fabricantes de automóveis certo?!

Claro que sim! Aliás, a não emissão de recalls e a sua comunicação fora de tempo útil é algo extremamente grave. Estamos a falar da segurança não só do veículo com o problema, mas também dos seus ocupantes e pedestres nas ruas.

Em suma, um problema ‘comum’ num veículo que afete a segurança tem de ser comunicado aos proprietários da forma mais rápida possível. Assim, estas falhas não deveriam acontecer especialmente quando falamos de uma fabricante gigante como a Mercedes.


Ademais, o que pensa sobre isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Fonte

 

Leia também

Ou veja mais notícias de Auto, Featured

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.
Anterior

Huawei prepara lançamento do ASUS Zenfone 6 em 2020

Samsung Galaxy S11 pode ser extremamente difícil de reparar!

Seguinte