Última hora: este é o novo menu Iniciar do Windows 10!

Talvez inspirada pela apresentação do macOS Big Sur, a Microsoft acabou de dar ao mundo uma visão mais clara do novo menu iniciar redesenhado para o Windows 10 com capturas de ecrã que fazem lembrar a cor e a aparência do novo sistema operativo da Apple.

Última hora: este é o novo menu Iniciar do Windows 10!

No entanto, existem diferenças entre as abordagens dos dois fabricantes. A Apple está focada na dock e no menu superior, que é único e muda dependendo da aplicação que está ativa. Já a Microsoft centraliza a interface no menu Iniciar, usando a barra inferior para mostrar as janelas abertas – e cada app tem o seu próprio menu na janela da interface.

menu Iniciar Windows 10

Mas, abordagens à parte, a estética parece bastante semelhante em ambas, com cores e transparências semelhantes. De facto, a Microsoft fez um bom trabalho ao simplificar o menu Iniciar, removendo definitivamente os mosaicos coloridos da interface, adicionando novos ícones e, em geral, tornando-o muito mais limpo e elegante.

Na Internet já existiam rumores de que a Microsoft eliminaria completamente os Live Tiles – as caixas coloridas que exibiam informações em tempo real de qualquer aplicação.

No entanto, um elemento da equipa de desenvolvimento da Microsoft revelou que não matariam os pobres Live Tiles.

menu Iniciar Windows 10

De facto, eles continuam mas caso um utilizador não os queira usar o sistema operativo mostra o ícone da aplicação. À semelhança do antigo menu Iniciar, os blocos são personalizáveis ​​com vários tamanhos.

Entretanto também temos novos ícones no menu Iniciar – e em todo o sistema – que seguem o novo estilo de design Fluent à medida que substituem os antigos, com base no padrão de design Metro da Microsoft.

São visivelmente mais interessantes que os antigos, graças às suas formas únicas, cores distintas e fundo plano – branco ou preto translúcido – sobre o qual são colocados.

menu Iniciar Windows 10

Não há efeitos 3D. Excepto por um efeito de camadas muito subtil – como o “W” no gradiente de cores do Word ou o pincel no Paint. Isto é algo que a Apple também manteve no macOS Big Sur. É um bom equilíbrio entre elegância e simplicidade. Para os ícones do Office, a Microsoft continua a utilizar o código de cores usado nas versões anteriores.

O menu também é mais arejado que o anterior.

Em resumo, o resultado é muito mais elegante e moderno que o design anterior. Não é uma mudança radical, mas é uma mudança bem-vinda.

Agora, a única coisa que não sabemos é quando o novo Menu Iniciar chegará aos nossos PCs com Windows 10. Deveria haver uma segunda atualização até ao final do ano, mas nada foi confirmado ainda.

Fonte

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também