Mate 30 Pro Leak

Mate 30 Pro vai ser lançado antes da chegada do iPhone 11 às lojas! – Como todos os ‘leaks’ têm sugerido, o novo iPhone deverá chegar às prateleiras no dia 20 de Setembro. O que por acaso, até caí em linha com aquilo que tem sido tradição da Apple nos últimos anos.

No entanto, parece que a grande aposta da Apple para 2019, bem como o Note 10+ da Samsung vão ter um rival à altura… E pelos vistos, vai chegar bem mais cedo que o esperado!

O Huawei Mate 30 Pro, sucessor do muito popular Mate 20 Pro deverá chegar mais ou menos 1 mês antes do que a data de lançamento tradicional, no dia 19 de Setembro!

Mate 30 Pro Leak

Ou seja, o evento de lançamento do Huawei Mate 30 Pro vai ser exatamente um dia antes, da chegada do iPhone 11 às lojas.

A gama de smartphones Mate 30 da Huawei deverá ser lançada numa grande cidade Europeia, provavelmente na cidade Alemã, Munique. O que por sua vez, significa um regresso às origens, visto que foi nesta cidade que foram anunciados dois modelos da série Mate.

Mas o que é realmente interessante no meio disto tudo, é a mudança de data! De Outubro para Setembro… Qual é afinal a razão?



Afinal de contas, um lançamento a meio de Setembro, significa que o Mate 30 Pro irá chegar às lojas muito mais cedo que o seu antecessor. Naquilo que na minha opinião, era apenas uma estratégia para fugir aos problemas que a proibição de Donald Trump representa… Mas que afinal, é uma maneira (bastante inteligente) para rivalizar de forma mais direta com o Note 10+ da Samsung, mas principalmente com o iPhone 11 da Apple.

iPhone 11
iPhone 11

Assim, é bem provável que o Mate 30 Pro represente uma ameaça ainda maior para as rivais Samsung e Apple. Principalmente para e tradicional época Natalícia.

É que se por acaso ainda não percebeu, a Huawei vai anunciar o seu novo topo de gama 9 dias depois do lançamento oficial do iPhone 11… E claro está, um dia antes da sua chegada ao mercado.

É no fundo, uma estratégia muito similar à da Samsung, quando também antecipou o lançamento da gama Note para Agosto. Ainda assim, continuo a achar que tem alguma coisa a ver com a guerra comercial.


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião, nos comentários em baixo.